Postagem em destaque

QUASE 500 MUNIÇÕES SÃO APREENDIDAS PELA GUARDA PORTUÁRIA DURANTE REVISTA NO PORTO DE SANTARÉM

Munições foram entregues a um tripulante no Amazonas. Funcionário da embarcação e a mulher que recebeu a 'encomenda' foram levad...

LEGISLAÇÕES

domingo, 17 de novembro de 2013

1

OPERAÇÃO CORUJA DA GUARDA PORTUÁRIA



Operação realizada em armazéns abandonados encontra malotes de banco.




No dia 02 de novembro, a Guarda Portuária realizou uma operação nos armazéns 1, 2, 3, 4 e I Externo. Estes armazéns, em virtude de estarem abandonados, são constantemente utilizados por meliantes para o uso de drogas e para a prática de furto de fios de cobre.

A fiscalização ali realizada, foi denominada de “Operação Coruja” pelo Inspetor e Supervisor de Segurança Carlos Carvalhal, em alusão ao horário em que ela foi deflagrada, às 02H30min, sendo designado o Inspetor de área Júlio Cesar, para comandá-la.

Durante a operação de fiscalização, no interior de um dos armazéns, foram localizados malotes plásticos utilizados para a guarda de numerários, de várias transportadoras de valores.

Guardas portuários Ongaro e Gonzaga e o Inspetor Júlio Cesar
 
Como o material encontrado poderia ter sido descartado após roubo dessas empresas, o fato foi notificado a Polícia Civil, a Polícia Federal e a empresa Protege Transporte de Valores.

Participaram da operação o guarda portuário Éverton da Ronda Setorial I, os guardas Murilo, Nilvandro e Rafael das Rondas Ostensivas Com Apoio de Motos (ROCAM), os guardas Gonzaga e Ongaro da Ronda de Policiamento I e os guardas Mário e Kauê da Ronda de Policiamento II.
 
 
 
 

Um comentário:

  1. Poderiam colocar o Insp. Carvalhal para comandar todas as turmas! Ou colocá-lo como responsável pelas operações de segurança na área do Porto organizado!!! Parabéns pela iniciativa, pois isso deveria partir do nosso comando!!

    ResponderExcluir

Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.