SEGURANÇA PORTUÁRIA EM FOCO

SEGURANÇA PORTUÁRIA EM FOCO

Postagem em destaque

PF FLAGRA PORTUÁRIOS COM PACOTES DE COCAÍNA NO CORPO PARA EMBARQUE EM NAVIO

Trabalhadores do Porto de Santos tentaram levar carregamento até navio atracado no cais, que foi cercado pela Guarda Portuária. Tablete...

segunda-feira, 19 de novembro de 2018

0

RECEITA FEDERAL APREENDE 36 QUILOS DE PASTA BASE DE COCAÍNA NO PORTO DO RIO



A Operação contou com o apoio da Polícia Federal e da Guarda Portuária. A droga seria embarcada com destino à Espanha

Na última quarta-feira (14) uma operação da Receita Federal, com o apoio da Polícia Federal e da Guarda Portuária levou a apreensão de 36 kg de pasta base de cocaína no Porto do Rio de Janeiro.

A cocaína, com alto grau de pureza, seria embarcada no Navio MSC Ajaccio, em um contêiner com destino à Espanha. Segundo as autoridades, a droga foi descoberta após uma inspeção onde foi constatada a divergência na numeração dos lacres.
Foram usados cães farejadores para localizarem a droga. A pasta base estava separada em tabletes, totalizando 36 quilos. Os agentes federais acreditam que na Europa a droga seria vendida por mais de R$ 2 milhões.


Na segunda feira (11) seis tabletes da mesma droga foram apreendidos do Porto de Santos. Um estivador escalado para trabalhar nesse mesmo navio, quando estava atracado naquele porto, dispensou o entorpecente e se evadiu com a chegada da Guarda Portuária.


A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto. A matéria veiculada apresenta cunho jornalístico e informativo, inexistindo qualquer crítica política ou juízo de valor.                                                                                           

* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.                                                                                                                          
                   COMENTÁRIOS                             
Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.
Continue lendo ►

quinta-feira, 15 de novembro de 2018

0

MAIS DE UMA TONELADA DE COCAÍNA É ENCONTRADA ESCONDIDA EM ESTRADOS E SACOS DE MINÉRIO



Dois carregamentos tinham como destino portos europeus e foram interceptados no Porto de Santos, no litoral paulista, antes de serem embarcados em navios

Uma operação resultou na apreensão de 1.295 kg de cocaína em dois carregamentos que aguardavam para ser embarcados em navios no Porto de Santos, no litoral de São Paulo, nesta quarta-feira (14). A droga tinha como destino portos europeus e foi interceptada por equipes da Polícia Federal e da Receita Federal.

A ação conjunta vistoriou contêineres que estavam armazenados em um terminal marítimo localizado na Margem Esquerda do cais, em Guarujá. As caixas metálicas com a droga foram identificadas após trabalho de investigação e análise de risco, e as suspeitas foram confirmadas com auxílio de cães de faro.
Em um carregamento com destino ao porto de Hamburgo, na Alemanha, estavam 690 kg de cocaína. Traficantes internacionais tentaram despistar a fiscalização e esconderam centenas de tabletes de droga dentro de estrados (pallets) metálicos, que sustentavam chapas de cobre dentro de contêineres.

Na outra carga interceptada, esta com destino a Antuérpia, na Bélgica, as equipes da polícia e da Alfândega localizaram mais 605 kg da droga. Os tabletes de cocaína estavam escondidos em cinco sacas com minério, em um carregamento com pelo menos 15 grandes bolsas para transportar e armazenar ferro-liga.

Até estas apreensões, a Alfândega do Porto de Santos e a Polícia Federal já interceptaram mais de 19 toneladas de cocaína em cargas de exportação, a maioria com destino a Europa. A quantidade é recorde supera todas as apreensões registradas em 2017 (11.539 kg) e em 2016 (10.622 kg).

Fonte: G1 Santos/SP


Esta publicação é de inteira responsabilidade do autor e do veículo que a divulgou. A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto. A matéria veiculada apresenta cunho jornalístico e informativo, inexistindo qualquer crítica política ou juízo de valor.                                                                                             
* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.                                                                                                                          
                   COMENTÁRIOS                             
Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.
Continue lendo ►

quarta-feira, 14 de novembro de 2018

0

GUARDA PORTUÁRIA GANHA CARTEIRA FUNCIONAL



A categoria passou a ter uma carteira funcional diferenciada que identifica os agentes e o número do porte de arma de cada um

Um pleito antigo da Guarda Portuária do Rio de Janeiro foi atendido. A categoria passou a ter uma carteira funcional diferenciada que identifica os agentes e o número do porte de arma de cada um. A entrega simbólica foi realizada na última segunda-feira (12) pelo diretor-presidente da Companhia Docas do Rio de Janeiro, Tarcísio Tomazoni.
Na ocasião, estiveram presentes o diretor administrativo-financeiro, Helio Szmajser; o superintendente da Guarda Portuária, Amauri Faria; encarregados e outros integrantes da Guarda Portuária.
A carteira está sendo emitida em conformidade com as normas da Polícia Federal, órgão que registra o número do porte de arma de cada guarda portuário. Os documentos são assinados pelo superintendente da Guarda e estão sendo entregues aos poucos, conforme a renovação dos portes, que têm chegado diariamente.
Cabe ressaltar que a Guarda Portuária é integrante do Sistema Único de Segurança Pública (SUSP), criado pela Lei nº 13.675/2018, que disciplina o funcionamento e a organização dos órgãos responsáveis pela Segurança Pública. O SUSP tem por objetivo estabelecer a integração entre esses órgãos.


A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto. A matéria veiculada apresenta cunho jornalístico e informativo, inexistindo qualquer crítica política ou juízo de valor.                                                                                           
* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.                                                                                                                          
                   COMENTÁRIOS                             
Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.
Continue lendo ►

terça-feira, 13 de novembro de 2018

0

PORTUÁRIO ESPALHA COCAÍNA NA MATA PARA EVITAR PRISÃO ANTES DE EMBARCAR DROGA EM NAVIO



Localização de tabletes foi feita por equipes da Guarda Portuária. Polícia Federal investiga a participação de trabalhadores do Porto de Santos na tentativa de tráfico internacional

Tabletes de cocaína foram apreendidos ao serem localizados abandonados na mata próxima a um terminal de contêineres no Porto de Santos, no litoral de São Paulo, após um trabalhador tentar embarcá-los em um navio no cais. A ação foi aparentemente frustrada, mas o suspeito conseguiu fugir.
A tentativa de tráfico internacional ocorreu entre a noite de domingo (11) e a madruga desta segunda-feira (12). A cocaína em elevado grau de pureza seria embarcada no navio MSC Ajaccio, atracado em um terminal de contêineres no bairro Alemoa, Margem Direira do cais santista.
O G1 apurou que ao menos um trabalhador portuário avulso (TPA), vinculado ao Órgão Gestor de Mão de Obra (Ogmo) e escalado para realizar as operações no cargueiro, foi identificado. Guardas portuários o viram se preparando para entrar no terminal com a droga escondida.
Ao perceber que seria revistado na portaria da instalação, ele correu em direção à mata localizada no entorno. Para evitar a prisão, o portuário jogou no chão, tabletes que havia fixado ao corpo, por meio de cintas elásticas. Em seguida, o homem conseguiu fugir correndo.

A movimentação evitou que eventuais outros envolvidos pudessem ser identificados ou detidos. Equipes da Guarda Portuária (GPort) realizaram buscas e localizaram seis tabletes (6 kg, aproximadamente), além das cintas elásticas e, ainda, uma jaqueta do Ogmo, utilizada pelos trabalhadores avulsos do cais santista.
O caso foi encaminhado à Polícia Federal em Santos, que investiga possíveis outros envolvidos na tentativa de embarque. O navio, aparente alvo dos trabalhadores para esconder o carregamento ilícito, tem como destino a Espanha, na Europa, onde a cocaína seria comercializada.
A área onde os tabletes foram espalhados foi alvo de uma operação de varredura ao longo da manhã e da tarde desta segunda-feira por equipes da guarda e da polícia. O objetivo era verificar se mais cocaína havia sido deixada para trás durante a fuga do envolvido no caso.
Mais uma vez
Oito estivadores foram presos pela Polícia Federal, em 1º outubro, ao serem flagrados tentando embarcar cocaína em um navio atracado no mesmo terminal. Também com o auxílio do cerco de guardas portuários, os envolvidos, que receberiam até R$ 4 mil para o embarque, foram identificados.
Em 26 de abril de 2017, sete estivadores foram presos, também na mesma instalação, ao tentarem levar cocaína presa ao corpo em um navio. Neste caso, 32 kg da droga foram apreendidos com os trabalhadores, detidos em flagrante pela Polícia Federal, que teve o apoio da Receita Federal.
Por meio de nota, o Ogmo informou que, assim como em outros casos, pode abrir um procedimento disciplinar assim que for requerido pela empresa portuária afetada. A eventual apuração garante ao trabalhador cadastrado "o contraditório e a ampla defesa", declarou.
Fonte: G1 Santos


Esta publicação é de inteira responsabilidade do autor e do veículo que a divulgou. A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto. A matéria veiculada apresenta cunho jornalístico e informativo, inexistindo qualquer crítica política ou juízo de valor.                                                                                             
* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.                                                                                                                          
                   COMENTÁRIOS                             
Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.
Continue lendo ►

segunda-feira, 12 de novembro de 2018

0

MULHER É PRESA EM FLAGRANTE COM MAIS DE 2 KG DE DROGAS NO PORTO DE SANTARÉM



Droga estava armazenada nas malas da suspeita, de 25 anos. Flagrante aconteceu na noite de sexta-feita (9) na Operação “Caravana da Segurança”

Uma denúncia anônima levou a prisão em flagrante de uma mulher de 25 anos durante desdobramento da Operação Integrada “Caravana da Segurança”, em Santarém, no oeste do Pará. A prisão aconteceu na noite de sexta-feira (9) no porto da Companhia Docas do Pará (CDP), após uma embarcação que saiu de Manaus (AM) aportar no município. Com a suspeita foram apreendidos 2,374 kg de drogas, possivelmente crack, e mais uma pequena quantidade de substância análoga a cocaína.
De acordo com a Guarda Portuária, o Núcleo Integrado de Operações (Niop) informou ao serviço reservado da Polícia Militar sobre uma passageira da embarcação que poderia está transportando drogas. A PM repassou às equipes da CDP as informações, inclusive com características da suspeita.
Quando o barco aportou, as equipes iniciaram a identificação dos passageiros e localizaram a mulher. Ela foi levada para uma sala e revistada por uma policial. Até então acreditava-se que a droga estava presa ao corpo da suspeita, conforme a denúncia feita ao Niop. Não foi encontrado nada com a mulher.
Ao revistar a mala da suspeita as equipes encontraram os pacotes de drogas e dinheiro. A Guarda Portuária acredita que a mulher tenha entrado na embarcação com os pacotes presos ao corpo, mas para passar pela vistoria em Óbidos (PA), ela colocou a droga na bagagem.
Tanto a suspeita quanto o entorpecente foram levados para a 16ª Seccional de Polícia Civil para que fossem dados os procedimentos do flagrante. Os pacotes de drogas ainda serão periciados.
Fonte: G1 Santarém
Esta publicação é de inteira responsabilidade do autor e do veículo que a divulgou. A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto. A matéria veiculada apresenta cunho jornalístico e informativo, inexistindo qualquer crítica política ou juízo de valor.                                                                                             
* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.                                                                                                                          
                   COMENTÁRIOS                             
Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.

Continue lendo ►

sexta-feira, 9 de novembro de 2018

0

EM OPERAÇÃO FRONTEIRA SEGURA PF FORÇA NACIONAL E GUARDA PORTUÁRIA APREENDEM DROGAS NO PORTO DE ÓBIDOS



50 kg de drogas que vinha do estado do Amazonas em uma embarcação, e ia com destino a capital paraense, Belém

Na tarde desta quinta-feira (08), as Polícias Federal, Força Nacional e a Guarda Portuária que atuam na Operação Fronteira Segura, no Porto de Óbidos, oeste do estado, identificaram e apreenderam 50 kg de drogas que vinha do estado do Amazonas em uma embarcação, e ia com destino a capital paraense, Belém.

Em fiscalização rotineira em malas e compartimentos da embarcação, os agentes localizaram a droga dentro de uma freezer, após suspeitarem do peso que estava fora do normal, quando abriram ,constaram a droga dentro, sendo 40 kg de cocaína e 10 kg de Skank. Junto com a droga foi preso um homem em flagrante, responsável pelo freezer, mas negou desconhecer a droga.

O homem juntamente com a droga foram encaminhados para delegacia da polícia federal de Santarém para procedimentos, a droga irá passar por perícias e homem será autuado pelo crime de tráfico de drogas e ficará a disposição da justiça.

“A fiscalização de rotina visa averiguar, eletrodomésticos, bagagens de passageiros, camarotes, área de lazer e porões das embarcações, e nessa tarde, logramos êxitos ao verificamos um freezer que estava fora do peso normal, nos chamou atenção e ao abrirmos localizamos a droga”, informou o agente e coordenador da operação em Óbidos, Barbosa.

Esta publicação é de inteira responsabilidade do autor e do veículo que a divulgou. A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto. A matéria veiculada apresenta cunho jornalístico e informativo, inexistindo qualquer crítica política ou juízo de valor.                                                                                             
* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.                                                                                                                          

                   COMENTÁRIOS                             
Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.

Continue lendo ►

LEGISLAÇÕES