Postagem em destaque

GUARDA PORTUÁRIA PARTICIPA DO DESFILE DA INDEPENDÊNCIA

A Guarda Portuária voltou a participar após 35 anos de ausência. A última participação ocorreu em 1982 Ontem (07) a Guarda Portuár...

sexta-feira, 27 de julho de 2012

0

VIATURAS DA POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO TERÃO CÂMERAS

SEGURANÇA PÚBLICA / POLÍCIA MILITAR





Câmeras instaladas nas viaturas policiais do Estado de São Paulo vão ajudar no trabalho de fiscalização da Polícia Militar aos motoristas que dirigirem embriagados. Alcoolizados, os condutores diminuem os reflexos e colocam a vida de outros motoristas e pedestres em risco.

Instalados dentro das viaturas, os aparatos tecnológicos vão captar imagens num campo de 360º ao redor da viatura, que servirão de prova para incriminar motoristas que se recusarem a fazer o teste do bafômetro. O uso das câmeras já vem sendo testado pelo Centro de Processamento de Dados da Polícia Militar de São Paulo desde o ano passado.
 
Cada viatura deverá ser equipada com quatro câmeras, que também serão utilizadas para policiamento em geral. As imagens captadas serão transmitidas para um centro de gravação. Segundo informações da Polícia Militar, o projeto será implantado aos poucos, começando pela região central da capital paulista.

Terminal móvel de dados e GPS 




O sistema foi totalmente desenvolvido pela PM. Através do terminal móvel de dados, é possível consultar informações sobre o veículo, saber se o condutor tem antecedentes criminais e também o número do registro de armas de fogo.


Antes os procedimentos eram feitos via rádio e, na rua, os policias dependiam dos atendentes da base. O que demorava pelo menos dez minutos, agora leva menos da metade do tempo.


O aparelho conta ainda com um GPS, o que ajuda os policiais a chegarem mais rápido nas ocorrências. “O policial dependia de um guia de ruas e um mapa. Com esse sistema novo, ele apenas digita o endereço e rapidamente ele consegue chegar no local”, disse o tenente da PM Reverson Marcondes.

Portal do Governo do Estado / G1


Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEGISLAÇÕES