Postagem em destaque

PF FLAGRA PORTUÁRIOS COM PACOTES DE COCAÍNA NO CORPO PARA EMBARQUE EM NAVIO

Trabalhadores do Porto de Santos tentaram levar carregamento até navio atracado no cais, que foi cercado pela Guarda Portuária. Tablete...

quinta-feira, 13 de março de 2014

0

MSC MAGNIFICA ATRASA SAÍDA E GUARDA PORTUÁRIA FAZ A SEGURANÇA






A Guarda Portuária do Porto de Santos, litoral de São Paulo, manteve várias viaturas junto ao costado do Navio MSC Magnifica, e manteve o monitoramento para garantir a segurança dos passageiros e tripulantes, até a sua saída, na madrugada de segunda-feira (10).
Um cabo de amarração preso acidentalmente na hélice do MSC Magnífica fez com que o navio atrasasse em 10 horas, entre a noite de domingo e a madrugada de segunda-feira, a saída do Porto de Santos. O incidente não deixou feridos ou maiores danos na embarcação, mas assustou os mais de 3 mil passageiros que estavam a bordo. Mergulhadores foram acionados e a água turva do Canal do Estuário prejudicou os trabalhos.
Oficialmente, a companhia tratou o caso como uma "manutenção programada". Manutenção, esta, que ocasionou por pelo menos três vezes (17h30, 20h30 e 00h10) o adiamento da saída do navio do cais do Terminal Marítimo de Passageiros Giusfredo Santini, administrado pelo Concais. O fato é que, às 3h34 de segunda-feira, com o prático já no comando, o Magnífica finalmente seguiu viagem.
Segundo o que foi apurado com passageiros, tripulantes e trabalhadores portuários em terra, o atraso ocorreu devido a complicações na primeira manobra de desatracação, marcada para ocorrer no final da tarde de domingo. Uma corda utilizada para prender a embarcação ao cais foi, acidentalmente, sugada pela hélice, fazendo que o navio perdesse, imediatamente, a propulsão.
A partida foi, então, cancelada e mergulhadores foram acionados emergencialmente para tentar recolher a amarra e desprendê-la das pás da hélice. A falta da claridade do sol e a água turva do Estuário dificultaram o trabalho das equipes, que só obtiveram sucesso no começo da madrugada. O Navio Magnífica então precisou entrar na fila do serviço de praticagem, que realizava as manobras de navios cargueiros naquele momento.

Fonte: Jornal A Tribuna
Edição: Segurança Portuária Em Foco






Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEGISLAÇÕES