Postagem em destaque

GUARDA PORTUÁRIA APREENDE COCAÍNA NO PORTO DE SANTOS

O contêiner onde a droga estava escondida tinha como destino o Porto de Algeciras, na Espanha. Dois elementos foram presos em flagrant...

sábado, 29 de novembro de 2014

0

HOMEM MORRE ESMAGADO POR CARGA NO PORTO DE SANTOS


Foto: Notícias do Trevo

Um homem de 48 anos, funcionário da Bandeirantes Logística Integrada, empresa do Porto de Santos, morreu esmagado no fim da tarde desta quinta-feira (27), em um acidente envolvendo uma empilhadeira, na Avenida Pereira Guinle, no Cais santista.
As informações são de que Hamilton Bezerra da Silva estava dentro de um contêiner sinalizando para o operador de empilhadeira onde deveria ser depositada a carga, momento em que, por motivos que estão sendo apurados, a carga caiu sobre o funcionário. Ele foi socorrido e transportado por uma ambulância até o Pronto Socorro da Zona Leste, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu.
De acordo com o Boletim de Ocorrência, o motorista da empilhadeira informou que todos os procedimentos padrões foram tomados, contudo a carga perdeu a gravidade e tombou para o lado onde estava a vítima.
Ainda segundo a Polícia Militar, foram expedidas guias para a realização de exames necroscópico e periciais no local do acidente e na empilhadeira, para avaliar as razões que causaram a queda da carga.
O caso foi registrado na Delegacia Seccional de Santos.
Posicionamento
Em nota a Bandeirantes Logística Integrada lamenta profundamente o acidente ocorrido nesta quinta-feira (27), que vitimou Hamilton Bezerra da Silva, de 48 anos.
Por motivo ainda desconhecido, uma carga se deslocou durante uma operação rotineira e atingiu o ajudante. Ele foi prontamente socorrido e levado ao Pronto Socorro da Zona Leste, mas não resistiu aos ferimentos.
A empresa informa que todos os colaboradores são treinados antes de participar de qualquer tipo de operação dentro do terminal e passam por reciclagens constantemente.
Hamilton trabalhou na Bandeirantes Logística Integrada por 1 ano e 1 mês. Durante esse período, passou por diversas capacitações e treinamentos de segurança, além de simulados de acidentes e outros procedimentos que são realizados para garantir a total segurança dos colaboradores.
Exames periciais foram realizados. A investigação correrá sob a responsabilidade do Ministério do Trabalho e da Delegacia dos Portos, a quem cabe proceder a análise e apurar responsabilidades, e devem levar no mínimo 90 dias.
A Bandeirantes Logística Integrada está prestando total apoio à família do colaborador Hamilton Bezerra da Silva, com quem se solidariza nesse momento de dor e luto.


Fonte: Jornal A Tribuna




Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEGISLAÇÕES