Postagem em destaque

MULHER ASSUME A PRESIDÊNCIA DA CONPORTOS

Nelbe Ferraz de Freitas, 37, foi designada pelo Ministro de Estado da Justiça e Segurança Pública Na última quarta-feira (04), Nel...

quinta-feira, 28 de maio de 2015

0

AGENTES FEDERAIS APREENDEM 40 QUILOS DE DROGAS NO PORTO DE SANTOS



Material estava escondido em um contêiner.
Scanner da Receita Federal ajudou nos trabalhos

Agentes da Receita Federal apreenderam 40 quilos de entorpecentes durante a madrugada desta quinta-feira (28) em um terminal do Porto de Santos. A localização do material ocorreu em um cofre, dentro de um contêiner, proveniente da Espanha, com o auxílio de um scanner.
Ainda de acordo com a equipe da Divisão de Vigilância e Controle Aduaneiro da Alfândega, a localização dos entorpecentes só foi possível devido à utilização de um scanner. As imagens mostraram as substâncias escondidas em fundos falsos de um cofre, que estava dentro do contêiner armazenado no terminal.

Os trabalhos, que se iniciaram no final da noite de quarta-feira, terminam nesta madrugada. Os agentes contaram com o apoio de soldados do Corpo de Bombeiros, uma vez que foi necessário abrir o compartimento com equipamentos de corte, como maçarico.
Segundo as investigações da Polícia Federal, um homem suspeito havia alugado uma casa na Praia de Boracéia, em Bertioga. Os policiais federais iniciaram a vigilância do local. Eles identificaram dois veículos utilizados pela suposta quadrilha, os quais foram apreendidos. Um dos integrantes estava de mudança da Espanha para o Brasil.
A Polícia Federal avisou a Receita Federal de que contêiner com bagagem dele, que estava armazenado no Terminal Bandeirantes no Porto de Santos, poderia conter drogas escondidas.
Uma equipe da Divisão de Vigilância e Controle Aduaneiro da Alfândega escaneou o referido contêiner e, com a imagem do equipamento em mãos, verificou-se que o alvo poderia estar dentro de um grande cofre metálico que estava entre os objetos da mudança.
O cofre foi retirado e aberto com maçarico, com o apoio do Corpo de Bombeiros. No fundo falso foram encontrados 26,5 quilos de ecstasy e 13,6 quilos de haxixe. A Receita Federal estima que cada comprimido pese entre 200 e 400 miligramas e custe entre R$ 30 e R$ 50.
A droga foi encaminhada imediatamente ao Departamento de Polícia Federal em Santos. Quatro pessoas foram presas e encaminhadas para o presídio de São Vicente e estão à disposição da Justiça Federal. A pena prevista legalmente para o tráfico de drogas é de cinco a 15 anos de prisão, e pode ser aumentada pelo fato de se tratar de tráfico internacional.


Fonte: Jornal A Tribuna / G1 – Edição Segurança Portuária Em Foco.


*Esta publicação é de inteira responsabilidade do autor e do veículo que a divulgou. A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto, não cabendo a esse Portal a emissão de qualquer juízo de valor.
                                                                                
* Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.

* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEGISLAÇÕES