Postagem em destaque

PF FLAGRA PORTUÁRIOS COM PACOTES DE COCAÍNA NO CORPO PARA EMBARQUE EM NAVIO

Trabalhadores do Porto de Santos tentaram levar carregamento até navio atracado no cais, que foi cercado pela Guarda Portuária. Tablete...

quarta-feira, 8 de julho de 2015

1

A INSEGURANÇA NOS PORTOS DO PARÁ


Pier do Terminal de Miramar fica constantemente desguarnecido

Diretores da Companhia Docas do Pará (CDP) receberam uma carta, denunciando a gravíssima situação de insegurança que ronda os portos da Região Metropolitana do estado – Porto de Belém, terminais de Miramar e Outeiro. Cileno Borges, autor do documento, informa que, nesses locais, o efetivo da Guarda Portuária por turno de 12 horas de serviço está muito reduzido (até dez por escala) em quase 25% do que até pouco tempo vinha sendo escalado. Segundo ele, tal número “não é proporcional nem ao mínimo necessário e ideal para a consecução e operacionalização dos planos de segurança que asseguraram a certificação (ISPS Code/Conportos) dessas instalações portuárias”.
Ele prossegue na descrição do problema: “Um dos píeres do terminal Miramar tem ficado desguarnecido frequentemente; a retaguarda do terminal de Outeiro se encontra praticamente desguarnecida e, no porto de Belém, o portão 10 fica, com frequência, fechado e o portão 17 com apenas dois guardas portuários para cobrir quatro postos de serviço e ainda fazer o serviço de conferência de cargas. Nesse portão deveriam vir seis guardas escalados, já que são seis tarefas distintas afetas à segurança a serem executadas ao mesmo tempo.”
Borges também oferece sugestões para a solução do problema: “Uma possível solução temporária seria a convocação de guardas para serviços extras até a realização de um novo concurso público, já que o Ministério Público Federal já está trabalhando nesse sentido.”
O cenário apresentado realmente é preocupante, por isso, Portogente pergunta: Como se vê, a questão, a Secretaria de Portos (SEP) e a agência reguladora do setor (Antaq)?


Fonte: Portogente 

*Esta publicação é de inteira responsabilidade do autor e do veículo que a divulgou. A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto, não cabendo a esse Portal a emissão de qualquer juízo de valor.
                                                                                                                                                                                          
* Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.

* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.




Um comentário:

  1. ESTÃO SUCATEANDO A GUARDA PORTUÁRIA E SOMENTE O MPF E O TJE ESTÃO FAZENDO ALGO AGORA, MANDANDO NOMEAR OS CONCURSADOS.
    É ESTRANHO A OMISSÃO DA CIA E SEU CONSAD, SINDICATOS, FEDERAÇÃO NACIONAL, COMISSÃO NACIONAL DE SEG. PUBLICA, SEP (TODAS JÁ CIENTES DA SITUAÇÃO)
    VAMOS VER SE A ANTAQ FAZ ALGO PELA GP.

    CILENO BORGES

    ResponderExcluir

LEGISLAÇÕES