Postagem em destaque

PF FLAGRA PORTUÁRIOS COM PACOTES DE COCAÍNA NO CORPO PARA EMBARQUE EM NAVIO

Trabalhadores do Porto de Santos tentaram levar carregamento até navio atracado no cais, que foi cercado pela Guarda Portuária. Tablete...

quinta-feira, 16 de junho de 2016

1

GUARDAS PORTUÁRIOS COBRAM CUMPRIMENTO DE PLANO DE SEGURANÇA


Estação de Tratamento de Água - ETA
O efetivo atual estaria aquém do mínimo necessário e desproporcional ao que determina o plano de segurança aprovado pela Conportos

Em reunião realizada na última sexta-feira (10), no Terminal de Miramar, administrado pela Companhia Docas do Pará (CDP), o novo Gerente de Segurança (GERSEG), acompanhado do Supervisor de Segurança (SSPMIR), realizou uma reunião com o efetivo dessa unidade, a fim de orientar os guardas portuários sobre postura e procedimentos no serviço a serem adotados, visando um aprimoramento na operacionalidade, comprometimento e responsabilidade com a segurança da instalação.
O guarda portuário Diego, presente na reunião, reiterou e ressaltou a necessidade de definir a real finalidade da escalação, manutenção e atuação da Guarda Portuária no posto denominado Salgado Filho, tendo em vista ser um controle para uma área arrendada onde nem a CDP arrecada nada com as cargas que entram e saem dessa área e nem a Guarda pode executar seu serviço que é de costume nas áreas primárias dos portos onde atua, já que os guardas se encontram ali para apenas cobrarem um simples crachá de acesso às empresas existentes naquela retro área.
Para o inspetor da Guarda, Cruz Barros, o Gerente de Gestão Portuária e o Gerente de Segurança devem tomar uma decisão quanto a real necessidade da Guarda Portuária naquele local. Este, quando era Supervisor de Segurança, fez várias proposições fundamentadas em normas internas, legislações e nota técnica, elaboradas no sentido de definir qual o futuro do posto Salgado Filho e a necessidade de guarda portuário para aquele local, em detrimento de outros postos contemplados como guarnecidos no Plano de Segurança de Miramar, como os píeres I e II e Estação de Tratamento de Água - ETA, onde neste já ocorreram intrusões e furtos, e mesmo assim, os mesmos permanecem desguarnecidos.
Segundo os guardas portuários, mesmo com a remoção de cerca de 08 guardas do Porto de Vila do Conde para o Terminal de Miramar, os postos não foram totalmente cobertos, contrariando a afirmativa do Gerente de Segurança anterior, que em troca de correio corporativo da empresa com os supervisores de segurança, disse que esses postos passariam a ser guarnecidos.
Porte de arma
Questionado pelos presentes sobre o trâmite do porte de arma para os guardas portuários, o novo GERSEG afirmou que está sendo prioridade em sua gestão.
Efetivo
Na reunião, os guardas portuários também solicitaram a escalação do efetivo, conforme compromisso assumido pela CDP em reunião realizada com a categoria no dia 30 de outubro de 2015, da qual participaram os Sindicatos, o Diretor Financeiro (DIRAFI), o SSPMIR e o GERSEG.

Segundo os guardas portuários, se não fossem as várias intrusões e furtos ocorridas em março na área da residência oficial; a resolução do presidente da CDP, Parsifal Pontes, em determinar a escalação de um GP naquele posto, já que o casarão que lá existe é tombado pelo patrimônio histórico cultural - IPHAN, e a equiparação da escala efetiva de Miramar com os demais portos por interesse do Supervisor do Porto de Belém (SSPBEL), o efetivo atual deste terminal estaria aquém do mínimo necessário e ainda mais desproporcional ao que determina o plano de segurança aprovado pela Comissão Nacional de Segurança Pública nos Portos, Terminais e Vias Navegáveis (Conportos).

A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto, não cabendo a esse Portal a emissão de qualquer juízo de valor.
                                                                                                                                                                                                                                               
* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.
                                                                                                                                                                                 
COMENTÁRIOS

Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.




Um comentário:

  1. É O POSTE MIJANDO NO CACHORRO.
    VÁRIAS ÁREAS SENSIVEIS DESCOBERTAS E OS GUARDAS TRABALHANDO DIRETAMENTE PARA EMPRESAS PRIVADAS.
    SÓ NA CDP MESMO.

    CILENO BORGES

    ResponderExcluir

LEGISLAÇÕES