Postagem em destaque

CONPORTOS ANUNCIA A DATA DA 17ª EDIÇÃO DO CURSO ESPECIAL DE SUPERVISOR DE SEGURANÇA PÚBLICA PORTUÁRIA – CESSP

O período de inscrição será de 17 de julho a 21 de agosto de 2017 Na última quarta-feira (12) a Comissão Nacional de Segurança Públi...

quinta-feira, 15 de setembro de 2016

0

MPT DE PARANAGUÁ MARCA AUDIÊNCIA PARA DISCUTIR TERCEIRIZAÇÃO DA GUARDA


Ariovaldo Alboitt, Felipe da Silva Cordeiro, o Procurador Dr. Ricardo Bruel de Almeida e Jorcy de Oliveira

Descumprimento por parte da Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (APPA), de um Termo de ajuste de Conduta (TAC)      
                                                                                                       
No dia 24 de agosto, às 14h30, o Diretor de Assuntos da Guarda Portuária, na Federação Nacional dos Portuários (FNP), Jorcy de Oliveira, participou de uma reunião na Procuradoria do Trabalho em Curitiba, localizada na Av. Vicente Machado, nº 84, Centro, com o Procurador Dr. Ricardo Bruel de Almeida.
Jorcy convidou para acompanhá-lo nessa reunião o guarda portuário Ariovaldo Alboitt, presidente em exercício do Sindicato dos Trabalhadores Portuários do Paraná (Sintraport), que por sua vez também convidou o GP Felipe da Silva Cordeiro, da Associação da Guarda Portuária do Paraná (AGPE-PR).
Na reunião, Jorcy esclareceu ao Procurador, detalhes da denúncia que ele havia redigido e protocolado naquele órgão, através da FNP, referente ao descumprimento por parte da Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (APPA), de um Termo de Ajuste de Conduta (TAC), sobre a terceirização de postos da Guarda Portuária no Porto de Paranaguá.
Após ficar ciente do que vem ocorrendo na APPA, O Procurador deu um prazo de cinco dias para ela se adequar a alguns itens do TAC, mas como ela não se pronunciou, no dia 06 a APPA foi notificada da marcação de audiência para o próximo dia 22.

A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto, não cabendo a esse Portal a emissão de qualquer juízo de valor.
                                                                                                                                                                                          
* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.
                                                                                                                                                
COMENTÁRIOS

Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEGISLAÇÕES