Postagem em destaque

GUARDAS PORTUÁRIOS ENTRAM EM GREVE NO PARÁ

     Porto de Santarém  Manifestação reivindica avanços no Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) Na data de ontem, quarta-feira (13), os guard...

LEGISLAÇÕES

segunda-feira, 30 de novembro de 2020

0

PF APREENDE MAIS DE 300 KG DE COCAÍNA NO PORTO DO PECÉM

 

A droga estava escondida no casco de uma embarcação que tinha como destino a Europa.

Na última segunda-feira (23), a Polícia Federal (PF) apreendeu mais de 300 kg de cocaína no casco de uma embarcação no Porto do Pecém, município de São Gonçalo do Amarante/CE, na Grande Fortaleza.


A ação, que contou com a participação da Receita Federal do Brasil (RFB) e do Corpo de Bombeiros do estado, ocorreu após o recebimento de uma denúncia anônima. Os agentes da Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE), da Polícia Federal realizaram diligências, e localizaram a droga acondicionada em diversos tabletes.


A droga estava embalada em diversos blocos revestidos por plásticos coloridos, nos tons de vermelho, preto, azul, amarelo e branco e estava, no mínimo, há uma semana atrelada ao navio.

A embarcação tinha passado pelo Porto de Santos (SP) e pelo Porto do Rio de Janeiro (RJ). Segundo a estimativa da PF, o quilo do narcótico no continente europeu está avaliado em cerca de €30 mil a €40 mil (Euros). Em conversão para o real, esses valores são de R$193.263,00 a R$257.524,75. Ou seja, a apreensão acabou causando um prejuízo que pode chegar a R$77 milhões aos responsáveis pelo tráfico.


Segundo o chefe da DRE/PF, delegado Samuel Elânio, será apurado a participação de pessoas ligadas a embarcação. “Possivelmente esta droga foi colocada em outro estado e aqui era o ponto de passagem. Realizamos oitivas, perícias para apura e chegar aos verdadeiros autores que colocaram a droga na embarcação”, disse o delegado.

O delegado acrescentou dizendo que a droga estava escondida em um local diferente do comum. “É um compartimento que é do casco, mas ele é aberto, simplesmente fechado por grades, por ele passa água que é usada para alimentar a tripulação. Ali é onde tem tubulações, resfriamento de motor. Era um navio normal de contêiner que atua nos portos, à medida que vão tendo ações policiais e outras medidas eles [os traficantes] vão mudando os modus operandis deles, eles deixam de colocar em contêiner para colocar em lugares mais escondidos”, esclarece.

A PF seguirá com as investigações para a identificação do traficante, da origem e o destino da droga. Ninguém foi preso

Outras apreensões

Esta foi a terceira maior apreensão de cocaína realizada em 2020. A primeira ocorreu ainda em maio, quando 546 kg da droga foram apreendidos. Em 12 de setembro, três pessoas foram presas pela PF com mais de 346,8 kg de cocaína, apreendida dentro de um veículo, também no complexo do Pecém.



A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto. A matéria veiculada apresenta cunho jornalístico e informativo, inexistindo qualquer crítica política ou juízo de valor.                                                                      

* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos. Caso não tenha conta no Google, entre como anônimo mas se identique no final do seu comentário.