Postagem em destaque

FISCALIZAÇÃO CONSTATA IRREGULARIDADES EM PORTO DO PARÁ

Essas fiscalizações ocorreram em virtude de denúncia de trabalhadores portuários que, sem representatividade de fato, buscaram por mei...

terça-feira, 29 de abril de 2014

0

OPERAÇÃO FRONTEIRA BLINDADA REALIZADA NO PORTO DE FORTALEZA




A Receita Federal/3ªRF realizou na última quinta-feira (24), operação no Porto de Fortaleza-CE, com a verificação de todos os contêineres vazios (124) e cheios (14) em navio pré-selecionado. 
 
Os contêineres foram acompanhados desde o costado do navio até o local de depósito no pátio do porto, passando por verificação não evasiva por scanner.  

A operação contou com atuação do cão de faro da Receita Federal do Brasil, do Centro de Cães de Faro da 3ª RF, na verificação de veículos na entrada e saída do porto.
O objetivo da operação foi registrar a presença fiscal e aumentar a percepção de riscos por parte dos contribuintes
 Scanner
O scanner instalado no Porto de Fortaleza para atender às exigências da Portaria N° 5 da Receita Federal já está em pleno funcionamento desde o dia 24 de março. Funcionando no regime de 24 horas, o equipamento está rastreando inicialmente todos os contêineres vazios que chegam e saem do Porto de Fortaleza. A expectativa é que nos próximos dois meses o equipamento faça o rastreamento de todos os contêineres que circulam no Porto, tanto no sentido importação como exportação.
As imagens são repassadas em tempo real para os técnicos da Receita Federal, agilizando o processo de fiscalização aduaneira e deixando a operação portuária mais segura no que diz respeito ao tráfico de drogas, armamentos e contrabando. O investimento total feito pela Companhia Docas do Ceará (CDC), empresa que administra o Porto de Fortaleza, foi de R$ 8 milhões, incluindo a aquisição, instalação, manutenção e garantia do equipamento.




Fonte: Receita Federal / CDC - Edição Segurança Portuária Em Foco





Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEGISLAÇÕES