Postagem em destaque

PF FLAGRA PORTUÁRIOS COM PACOTES DE COCAÍNA NO CORPO PARA EMBARQUE EM NAVIO

Trabalhadores do Porto de Santos tentaram levar carregamento até navio atracado no cais, que foi cercado pela Guarda Portuária. Tablete...

terça-feira, 4 de novembro de 2014

1

5 TÁTICAS PARA TER MAIS RESILIÊNCIA NO TRABALHO



Quer superar dificuldades no trabalho sem se deixar abater? Especialistas dão conselhos para quem deseja se tornar mais adaptável e resiliente.
É com metáforas e conceitos do mundo da física que especialistas em recursos humanos tentam explicar a principal competência da primeira metade do século 21: a resiliência.
O conceito original, emprestado da ciência, trata de materiais capazes de acumular energia quando submetidos à pressão. Absorvendo o impacto, acabam voltando ao seu estado inicial sem sofrer deformações.
Traduzida para o universo humano, resiliência é a capacidade de superar adversidades, sem herdar delas nenhuma transformação negativa permanente. O mercado de trabalho precisa, mais do que nunca, de profissionais elásticos, aqueles capazes de interagir com pressões de forma positiva, sem “quebrar” com o impacto das crises.
De acordo com Paulo Sabbag, autor do livro “Resiliência: competência para enfrentar situações extraordinárias na sua vida profissional” (Negócio Editora), não se deve confundir o conceito com insensibilidade.
Tristeza, dor e desânimo são experimentadas pelo profissional resiliente - mas não por muito tempo. “Indivíduos de elevada resiliência sofrem com as perdas, mas seu luto é abreviado; ‘desmontam’ diante de graves adversidades, para depois se recuperar e até se tornam ainda mais fortes”, escreve Sabbag.
Como ser mais "elástico"?
Segundo a coach Bibianna Teodori, a capacidade de encarar dificuldades sem se deixar abater é mais necessária hoje do que no passado. É a exigência por produtividade máxima, diz ela, que acaba gerando climas organizacionais cada vez mais tensos.
“Em ambientes tão estressantes, conseguir trabalhar sob pressão é um diferencial competitivo para qualquer profissional, além de pessoalmente aumentar seu bem-estar e nível de satisfação com a vida”, afirma Bibianna.
A boa notícia, segundo ela, é que a competência pode ser aprimorada. A seguir, listamos algumas formas de se tornar mais “elástico” no trabalho:
1. Tempere suas emoções
Segundo Sabbag, pessoas resilientes conseguem experimentar emoções de forma equilibrada, moderada.
Não se trata de calar sentimentos como raiva, angústia ou melancolia. O segredo está na dose. “Sem emoção não há satisfação nem senso de realização. Qual é o problema? É o excesso, o descomedimento”, escreve ele.
2. Saiba o que te satisfaz
Para reagir bem aos problemas, é preciso conhecer aquilo que traz satisfação, prazer.
Segundo Bibianna, é essencial saber quais são os gatilhos da sua satisfação e motivação no trabalho. “Para descobrir isso, é preciso investir muito em autoconhecimento”, aconselha ela.
3. Articule apoios
De acordo com Sabbag, familiares, amigos, colegas e mentores podem ter um papel essencial para reduzir a ansiedade, o estresse e a vulnerabilidade de uma pessoa com problemas no trabalho.
É importante buscar ativamente esse apoio, sem perder tempo com vergonha ou orgulho. “Quanto maior a resiliência do indivíduo, menor tende a ser a percepção de inferioridade no processo de ajuda”, afirma ele no livro.
4. Invista numa mentalidade positiva
Remoer experiências ruins é um hábito que não pertence às pessoas resilientes. “Elas sempre olham para frente, têm foco no futuro”, diz Bibianna.
A coach aconselha uma mudança de foco - do problema para a solução. “É preciso combater o velho costume de pôr defeito nos outros e só ver pior lado das situações”, afirma ela.
5. Fique atento ao outro
Bibianna também defende que pessoas altruístas, dispostas a ajudar os outros sempre que possível, tendem a lidar melhor com seus próprios problemas.
Ela propõe a ideia de um ciclo virtuoso. “É o princípio da prosperidade: se você consegue contribuir com o outro, é porque não está faltando nada para você”, explica ela.

Fonte: Claudia Gasparini – Revista Exame



Um comentário:

  1. A grande glória da vida não está em nunca cair, mas em se levantar a cada vez que caímos.
    - Nelson Mandela

    Para criar inimigos não é necessário declarar guerra, basta dizer o que pensa. (Martin Luther King

    Abaixo seguem três dicas de benefícios em ser uma pessoal mais resiliente com resultados para a sua vida.

    ATITUDES – Pessoas resilientes assumem a responsabilidade do que acontece consigo sem vitimização, tem a habilidade de se manter sereno diante de um problema, são pessoas que tem atitude e resolvem seus problemas sempre com muita sabedoria.

    AUTOCONSCIÊNCIA – A autoconsciência é a base para a mudança de vida. Pessoas resilientes compreendem os próprios sentimentos, conhecem suas forças e limitações, tem a capacidade e a visão sistêmica de identificar as causas dos problemas, sabendo a hora de falar e a hora de ouvir. Tem empatia, ou seja, compreende o estado psicológico dos outros e sabe exatamente como agir. Na vida, podemos ser problema, ou solução. Se você for só o problema, ninguém vai gostar de ficar do seu lado, porque você vai ser uma pessoa amarga. Mas, se você for solução, aí vai ter a chance de conquistar a maturidade com sabedoria.

    PROJETO DE VIDA – Pessoas resilientes superam melhor o sofrimento porque encontram um sentido melhor para a vida, encaram a vida positivamente e são acostumados a ver o copo cheio e não vazio. Tem a crença que as coisas irão melhorar e conseguem controlar melhor seu destino.

    No comportamento humano a resiliência significa a construção de novos caminhos de vida, precisamos sempre tirar lições positivas das situações diárias e não ficar remoendo sempre os problemas. Gosto da frase de Carlos Drummond de Andrade que diz “A dor é inevitável. O sofrimento, opcional”, portanto precisamos ter mais resiliência para que possamos conduzir nossa vida com mais saúde e ser mais feliz. Procure desenvolver a resiliência pois ser resiliente é não se abater com facilidade, não culpar os outros pelos seus fracassos e lutar sempre pelo melhor
    POR Leonardo Siqueira

    NÃO VENCI TODAS AS VEZES QUE LUTEI
    MAS PERDI TODAS AS VEZES QUE DEIXEI DE LUTAR - sabedoria popular

    sds
    CILENO BORGES

    ResponderExcluir

LEGISLAÇÕES