Postagem em destaque

PF FLAGRA PORTUÁRIOS COM PACOTES DE COCAÍNA NO CORPO PARA EMBARQUE EM NAVIO

Trabalhadores do Porto de Santos tentaram levar carregamento até navio atracado no cais, que foi cercado pela Guarda Portuária. Tablete...

segunda-feira, 7 de setembro de 2015

0

GUARDAS PORTUÁRIOS REJEITAM PROPOSTA DE 12HS




Em assembleia realizada na sexta-feira (28/08), os guardas portuários do Porto de Santos, litoral de São Paulo, decidiram rejeitar a proposta da Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp) para alteração da jornada de trabalho, feita em 13 de agosto, através do expediente DP-ED/149.2015.
A categoria também decidiu autorizar o sindicato a ajuizar ação contra a Codesp em virtude da implantação, sem acordo coletivo de trabalho, de uma jornada diferenciada de 12 horass, para os guardas portuários participantes da “Operação Curto-Circuíto”.

Na última segunda-feira (31), o Sindicato dos Trabalhadores Administrativos em Capatazia, nos Terminais Privativos e Retroportuários e na Administração em Geral dos Serviços Portuários do Estado de São Paulo (Sindaport) oficializou a empresa sobre a decisão da assembleia, alertando o presidente Angelino Caputo de que no seu entendimento, tanto o presidente como o comandante da Guarda Portuária, sabedores da irregularidade e sabedores das consequências que a implantação de uma jornada de trabalho de 12hs pode gerar, causando prejuízos aos cofres públicos, caracteriza improbidade administrativa.
Posteriormente, na última terça-feira (01), o Sindaport enviou novo ofício, desta vez dirigido ao comandante da Guarda Portuária, Ezio Ricardo Borghetti, no qual avisa de que o Sindicato, conforme decisão da assembleia, ingressou com medida judicial para impedir que guardas e coordenadores continuem laborando em jornada de 12 horas, comunicando ainda o fato ao Ministério Público do Trabalho (MPT).

Veja abaixo o vídeo da assembleia:



A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto, não cabendo a esse Portal a emissão de qualquer juízo de valor.
                                                                                                                                                                                          
* Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.

* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEGISLAÇÕES