Postagem em destaque

PORTO DE SÃO FRANCISCO DO SUL REALIZA CURSO DE CAPACITAÇÃO PARA OS AGENTES DA GUARDA PORTUÁRIA

O objetivo do curso é capacitar os agentes para exercerem suas funções em toda a área portuária A Administração do Porto de São ...

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

7

GUARDA PORTUÁRIA DETÉM LADRÃO NO PORTO DE BELÉM




O elemento detido vinha praticando vários furtos no local

Por volta das 19h da última terça-feira (09), a guarnição da Guarda Portuária (Guapor), da Companhia Docas do Pará (CDP), foi informada pelo morador de um prédio próximo ao Porto de Belém, que um elemento carregava um objeto na cabeça e que tinha acabado de subtraí-lo da empresa de navegação fluvial A.R. Transporte, localizada na Avenida Doca de Souza Franco, cujo escritório fica na retro área do porto, no antigo posto de serviço Colarinho Branco, hoje desguarnecido em função do baixo efetivo da Guapor, e também sem vigilância eletrônica da CDP.

Os guardas portuários Raul e Upton se dirigiram imediatamente para o local, e após diligências pelas ruas adjacentes, lograram êxito em localizar o meliante na Rua Municipalidade com a Travessa Quintino Bocaiúva, Bairro do Reduto, a duas quadras do local onde foi praticado o furto. Posteriormente compareceu em apoio o inspetor Samuel e o Guarda Portuário Gilson André.

Na abordagem foi efetuada uma revista pela guarnição, acompanhada por um empregado da A.R. Transporte, sendo encontrado em seu poder, um cachimbo para consumo de drogas (crack), sem no entanto, portar nenhum documento que o identificasse. Após receber voz de prisão, ele foi conduzido pela Polícia Militar, que foi acionada para comparecer ao local, para a delegacia de São Brás, para lavratura do BO/TCO, por furto qualificado.
Colaboradores da A.R. Transporte afirmaram que vários furtos dessa natureza têm ocorrido no escritório deles, onde as gravações do sistema de câmeras da própria empresa levam os mesmos a acreditar que o elemento detido é o mesmo que vem praticando vários furtos no local.

A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto, não cabendo a esse Portal a emissão de qualquer juízo de valor.
                                                                                                                                                                                                                                               
* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros. 

COMENTÁRIOS

Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.


7 comentários:

  1. Muitos pulando Carnaval e a BRIOSA rente que nem pão quente guarnecendo os portos de nosso pais

    DARLEI
    COLABORADOR DA ANTONIO ROCHA FLUVIAL TRANSPORTE

    ResponderExcluir
  2. Grande inspetor Samuel.
    Um dos DOS bons profissionais que dignifica o quadro da GP DA CDP.

    Corrêa PVC

    ResponderExcluir
  3. Não vejo razão para os companheiros terem se arriscado para uma ocorrência considerando o objeto Furtado
    Eles que ponham a vigilância deles lá na área deles.
    Ora, tudo tem que ser a Guarda portuária
    E DEPOIS o procedimento foi errado, POIS foi na via pública.
    GUARDAS experientes e cometem esse vacilo.

    Assunção

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Assunção, me permita discordar. Creio que temos que dar os parabéns aos guardas portuários envolvidos nessa ocorrência pela iniciativa, desprendimento e o êxito em lograr deter o meliante.
      A segurança na área do porto e nas suas adjacências, é competência da Guarda Portuária. Os guardas portuários foram acionados para agir em um crime em andamento.
      Não houve erro no procedimento em virtude da detenção ser em via pública. Qualquer cidadão pode dar voz de prisão quando em flagrante delito (Art. 301 - Código Penal), já o guarda portuário tem o dever.

      Excluir
  4. SAI PRA lá assunção. Respeite a GUARDA PORTUÁRIA, cuja história é honrada por todos que enxergaram e envergam com compromisso e dignidade ESSA farda.

    GP RAMOS

    ResponderExcluir
  5. Assunção, usar este espaço para criticar é fácil. Mas, o que vc tem feito pela GUAPOR?
    Pq vc não dá a cara a tapa como outros dão?
    Temos em nosso meio os que se orgulham em vestir essa farda, assim como tem os que ajudam a conspirar e trair nossa própria categoria.
    Gestores e pseudos sindicalistas que afirmam que os guardas não precisam atuarem armados e que as câmeras podem substituir estes profissionais.
    Tais pessoas com essa mentalidade nem deveriam fazer parte do quadro dessa GRANDIOSA CORPORAÇÃO.

    ASS. Pereira POB

    ResponderExcluir
  6. QUEM É ESSE TAL DE ASSUNÇÃO ? É GUARDA ? É O QUE ? VEM PRA ESSE ESPAÇO PARA
    CRITICAR QUEM TA TRABALHANDO EM CONDIÇÕES DIFICEIS , E MESMO ASSIM NÃO SE FUR-
    TAM EM AGIR E CUMPRIR COM SEU DEVER .
    MEUS PARABÉNS A TODOS OS GUARDAS PORTUÁRIOS QUE HONRAM A FARDA QUE VESTEM.

    GP ALEXANDRE - ES

    ResponderExcluir

LEGISLAÇÕES