Postagem em destaque

GUARDA PORTUÁRIA APREENDE COCAÍNA NO PORTO DE SANTOS

O contêiner onde a droga estava escondida tinha como destino o Porto de Algeciras, na Espanha. Dois elementos foram presos em flagrant...

sexta-feira, 17 de junho de 2016

1

POLÍCIA DESCOBRE 71 KG DE COCAÍNA EM OFICINA DE SANTOS


Agentes do ABC vieram ao Litoral após apurar que droga seria movimentada em oficina (Foto: Divulgação)
Em razão do elevado teor de pureza, o carregamento da droga é estimado no mercado interno em mais de R$ 1,2 milhão

Policiais civis apreenderam 71 quilos de cocaína em uma oficina no Macuco, em Santos, às 23 horas de quarta-feira (15). No local, dois homens foram presos em flagrante e outros dois, pelo menos, conseguiram fugir pelos fundos. Pelas investigações já realizadas, as suspeitas são de que o grupo esteja ligado ao narcotráfico internacional.
A prisão foi realizada pela equipe do delegado titular do 1º DP de São Bernardo do Campo, Aloízio Pires de Araújo, e do investigador Délcio Lúcio da Fonseca Júnior. A oficina fica na Rua Padre Anchieta, 133, e o seu endereço foi descoberto a partir de outras apreensões de entorpecentes feitas ao longo de meses pelos mesmos policiais.
Os agentes do ABC desceram a Serra porque apuraram que uma grande quantidade de cocaína seria movimentada na oficina na quarta-feira à noite. O estabelecimento estava fechado, mas eles ficaram monitorando-o à distância até a chegada de dois homens em um Volkswagen Tiguan branco.
O carro era dirigido pelo torneiro mecânico Alexandre de Jesus Lima, o Gordão, de 40 anos, que entrou no estabelecimento acompanhado de outro homem. Logo em seguida, os investigadores decidiram ingressar no local, sendo necessário forçar o portão. Ainda do lado de fora, eles ouviram barulho de pessoas correndo e de ferro caindo no chão.
Dois homens, no mínimo, fugiram, mas Gordão foi abordado ao tentar pular um muro nos fundos para também escapar. Na parte frontal da oficina, onde fica o escritório, havia 40 tijolos de cocaína no chão. Os policiais fizeram varredura para verificar se havia mais drogas ou alguém no recinto.
Durante as buscas, os agentes escutaram barulho no porão do estabelecimento, onde prenderam o motorista Luiz Carlos Bezerra dos Santos, o Bezerra, de 36 anos. No subterrâneo havia mais 25 tijolos de cocaína. A dupla foi indagada sobre a droga e, de modo informal, Gordão disse apenas que alugou aquele espaço para um homem apelidado por Alemão.
Vale quase R$ 20 mil/kg
Em razão do elevado teor de pureza, a cocaína teve o seu valor estimado no mercado interno em US$ 5 mil (cerca de R$ 17,5 mil), o quilo. Com essa cotação, todo o carregamento do tóxico está avaliado em mais de R$ 1,2 milhão.
A qualidade e a quantidade da droga sugerem que ela seria colocada em contêineres a serem embarcados em navios no Porto de Santos. Os indícios são de que ela teria como destino o Exterior. Na Europa, o seu valor triplica.
Cocaína era transportada no fundo falso de uma caminhonete (Foto: Divulgação)
Na oficina foi apreendida uma caminhonete Mercedes-Benz branca, com placa de Andradina. Sem queixa de furto ou roubo, o veículo possui fundo falso para ocultar drogas. Dentro dele havia documentos de um homem que não foi localizado e que seria um dos que conseguiram fugir.
Chefe dos investigadores do 1º DP de São Bernardo do Campo, Délcio Lúcio classificou a cocaína de “classe A” e disse que as suspeitas são de que ela tenha ingressado no Brasil por via terrestre pelo Mato Grosso do Sul, estado que faz fronteira com Paraguai e Bolívia. Segundo ele, as investigações prosseguem para identificar e prender o restante da quadrilha.
Gordão e Bezerra foram conduzidos ao distrito policial do ABC, onde a delegada Teresa Alves Mesquita Gurian os autuou por tráfico e organização criminosa. Na justificativa do segundo delito, ela destacou que “somente a união de criminosos com organização empresarial e divisão de tarefas viabiliza a comercialização de entorpecente em alta escala”.


* Esta publicação é de inteira responsabilidade do autor e do veículo que a divulgou. A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto, não cabendo a esse Portal a emissão de qualquer juízo de valor.
                                                                                                                                                                                                                                               
* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.
                                                                                                                                                                                 
COMENTÁRIOS

Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.



Um comentário:

  1. http://m.abc.com.py/nacionales/brasilenos-estarian-detras-1490758.html

    irmãos GPORT, os reflexos da ação em Pedro Juan caballero, lá no Paraguay, vocês vão sentir no aumento de apreensões de drogas nos portos brasileiros-principalmente em Santos.

    Jorge, agente de segurança socioeducativa DEGASE.

    ResponderExcluir

LEGISLAÇÕES