Postagem em destaque

TORQUATO NOMEIA NOVO PRESIDENTE DA CONPORTOS

O novo presidente foi coordenador do grupo de trabalho para implantação do Sistema Nacional de Polícia Marítima O Ministro da Just...

terça-feira, 2 de janeiro de 2018

0

RECEITA FEDERAL APREENDE 69 QUILOS DE COCAÍNA NO PORTO DE PARANAGUÁ




O valor da apreensão foi estimado em US$ 1 milhão. Droga estava escondida no contêiner refrigerado

Na última quinta-feira (28), equipes da Alfândega da Receita Federal no Porto de Paranaguá, com apoio da Polícia Federal, encontraram 69,5 quilos de cocaína pura, no Terminal de Contêineres de Paranaguá (TCP). A droga estava escondida na estrutura do teto de um contêiner refrigerado que estava vazio e em trânsito entre portos brasileiros.

A localização foi possível graças às imagens geradas pelo aparelho de escâner localizado no terminal. Os servidores retiraram a parte interna do teto do contêiner e encontraram a droga entre a espuma que faz o isolamento térmico.
A Receita Federal em conjunto com a Polícia Federal investigarão agora quem seriam os responsáveis pelo envio da droga ao exterior.
Segundo Luciano Andreoli, inspetor-chefe adjunto da alfândega da Receita Federal em Paranaguá, os agentes estavam no local para fazer uma análise e passaram um scanner no contêiner. O equipamento apontou a existência de algo escondido na estrutura e, diante da suspeita, houve a mobilização para a retirada dos tabletes de cocaína.
“O valor de mercado desta quantidade de cocaína pura é de cerca de US$ 1 milhão. Agora começam as investigações para tentar encontrar os responsáveis pela droga”, contou Andreoli
Ainda de acordo com ele, o contêiner estava em trânsito entre portos brasileiros. A Receita Federal e a Polícia Federal, que auxiliou na apreensão, estimam que a cocaína seria enviada ao exterior.
A Receita Federal e Polícia Federal vão investigar o caso para apurar quem são os responsáveis pela tentativa de enviar a cocaína para o exterior.


A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto. A matéria veiculada apresenta cunho jornalístico e informativo, inexistindo qualquer crítica política ou juízo de valor.                                                                                                                                                                                         
* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.                                                                                                                                                           
                             COMENTÁRIOS                             


Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEGISLAÇÕES