Postagem em destaque

OPERAÇÃO ENVOLVENDO PF, RFB E GPORT APREENDE MAIS DE UMA TONELADA DE COCAÍNA NO PORTO DE SÃO SEBASTIÃO

  A troca de informações entre as autoridades envolvidas foi crucial para o sucesso da operação. Na tarde da última sexta-feira (02) uma o...

LEGISLAÇÕES

segunda-feira, 20 de abril de 2020

0

GUARDA PORTUÁRIA PARTICIPA DE OPERAÇÃO CONJUNTA PARA COIBIR ROUBO DE CARGA DESTINADA AO PORTO DE PARANAGUÁ



A Operação Carga Segura conta com a participação das forças integrantes do Sistema Único de Segurança Pública (SUSP).
Na última sexta-feira (17), teve início no Pátio de Triagem do Porto de Paranaguá, a Operação Carga Segura, para coibir o roubo de carga destinada ao porto, oriundas de “vazadas”, crime onde os autores destravam o compartimento de carga de caminhões graneleiros, para o derramamento da carga sobre a via, a qual, na sequência, é furtada e vendida para receptadores.

A conta com a participação das forças integrantes do Sistema Único de Segurança Pública (SUSP). A ação é um esforço para combater as vazadas (furto de carga), além de roubos, furtos e outros crimes.
Ela foi desencadeada em virtude do início da colheita da safra em todo o Estado, aumentando o transporte dos produtos pelas rodovias estaduais e federais em direção ao Porto de Paranaguá, diante disso, o policiamento ostensivo passa a ser intensificado nos principais eixos de acesso ao porto e aos locais de recebimento de carga.

A coordenação da operação cabe Polícia Militar, com equipes do 9° Batalhão, Batalhão de Operações Especiais (Bope), Batalhão de Polícia Ambiental Força Verde (BPAmb-FV) Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv), 8° Grupamento de Bombeiros (8°GB) com o apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF), Polícia Civil, Guarda Portuária e Guarda Civil Municipal (GCM).


Segundo o comandante do 9º Batalhão de Polícia Militar, tenente-coronel Josemar Biscaia, a operação que teve início na sexta-feira (17), será ininterrupta diuturnamente, pois o crime não descansa. A Polícia Militar fará patrulhamento, pontos-base e abordagens para trazer para o caminhoneiro e à população mais segurança.
Guarda Portuária
O Chefe da Guarda Portuária, César Kamakawa, ressaltou que a ideia de participar em conjunto com outras instituições é exatamente rebater as ações criminosas. “O Coronavírus veio, e colocou praticamente todo mundo em casa, porém as ações criminosas não cessaram. E com esta preocupação do Governo do Estado houve esta união de esforços, e os resultados logo virão. Há todo um trabalho de levantamento em campo, policiais de várias esferas já estão fazendo a sua parcela de contribuição, e dentro em breve teremos resultados positivos quanto a isto, trazendo segurança a logística de transporte dos caminhoneiros ao Porto de Paranaguá e consequentemente a segurança dos munícipes de Paranaguá neste momento tão difícil”, enfatiza Kamakawa.
De acordo com Kamakawa, no período de safra, a média diária é de 3 mil caminhões que chegam para descarregar, podendo oscilar até cinco mil caminhões.
PRF
O inspetor Ricardo Pasquali, da PRF, explicou que todas as ações ostensivas serão reforçadas, inclusive com apoio de um helicóptero. “O efetivo da PRF estará reforçado e serão feitas rondas ostensivas, juntamente com as outras forças unidas, para combater a criminalidade”, disse.

GCM
De acordo com Marcia Garcia, da Guarda Municipal de Paranaguá, haverá equipes da GMC atuando em apoio. “Estaremos à disposição para trabalhar junto às forças do Estado para tentar coibir o furto de cargas em nossa cidade. Estaremos com as motos e as viaturas à disposição para total apoio”, disse.
Apreensão



Logo nas primeiras ações ocorreu uma apreensão de produtos furtados em “vazada” na área portuária. Na chegada das equipes policiais ao local onde estavam os produtos os suspeitos acabaram fugindo.


A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto. A matéria veiculada apresenta cunho jornalístico e informativo, inexistindo qualquer crítica política ou juízo de valor.      
                                                                                       
* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.