Postagem em destaque

OPERAÇÃO ENVOLVENDO PF, RFB E GPORT APREENDE MAIS DE UMA TONELADA DE COCAÍNA NO PORTO DE SÃO SEBASTIÃO

  A troca de informações entre as autoridades envolvidas foi crucial para o sucesso da operação. Na tarde da última sexta-feira (02) uma o...

LEGISLAÇÕES

quinta-feira, 1 de outubro de 2020

0

AUTORIDADES DISCUTIRAM SEGURANÇA NO PORTO DE FORTALEZA

 

O relator do Estudo de Avaliação de Riscos (EAR) deu seu parecer após análise do documento.

O Porto de Fortaleza foi um dos primeiros signatários no Brasil a ter a Declaração de Cumprimento (DC) do Código Internacional para a Proteção de Navios e Instalações Portuárias (ISPS Code), instituído após o ataque terrorista ao World Trade Center em 2001. A garantia da segurança das cargas e nas operações portuárias permanece na pauta de prioridades da Companhia Docas do Ceará.

Em 11 de setembro, na sede do Núcleo de Policiamento Marítimo (Nepom) - Polícia Federal foi realizada uma reunião para tratar da segurança do porto. Na ocasião, o relator do Estudo de Avaliação de Riscos (EAR) do Porto de Fortaleza, deu seu parecer após análise do documento.

Participaram representantes da Polícia Federal (PF), Receita Federal do Brasil (RFB), Marinha do Brasil (MB), Autoridade Portuária - Companhia Docas do Ceará (CDC) e do Governo do Ceará, integrantes da Comissão Estadual de Segurança Pública nos Portos, Terminais e Vias Navegáveis (Cesportos). Como convidados, estavam representantes da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq) e do Complexo do Pecém.


A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto. A matéria veiculada apresenta cunho jornalístico e informativo, inexistindo qualquer crítica política ou juízo de valor.                                                                      

* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.