Noticias e artigos em tudo que envolve a segurança nos portos do Brasil

Postagem em destaque

AUTORIDADE PORTUÁRIA DE SANTOS PUBLICA EDITAL DE CONCURSO PARA A GUARDA PORTUÁRIA

As inscrições serão aceitas durante os dias 1º de abril a 06 de maio. A data prevista para a prova é 23 de junho A Autoridade Portuária de...

LEGISLAÇÕES

quarta-feira, 31 de agosto de 2022

0

PF DEFLAGRA OPERAÇÃO LA SPEZIA CONTRA O TRÁFICO INTERNACIONAL DE DROGAS

 

Organização criminosa enviava drogas para a Itália em pisos de mármore e granito pelo Porto de Vitória

A Polícia Federal (PF) deflagrou, na manhã da última quarta-feira (24), mais uma operação de combate a uma organização criminosa (Orcrim) de tráfico internacional de drogas. Os mandados foram cumpridos nos estados de Goiás, Santa Catarina e Espírito Santo.

A Orcrim utilizava os portos do Espírito Santo para transportar grandes quantidades de cocaína do Brasil para a Itália. Os entorpecentes eram escondidos dentro de placas de mármore e granito.

Italiano morava em casa de alto luxo com dois andares — Foto: Reprodução/PF

Na operação duas pessoas foram presas, uma delas é Josaph Bruzezi, italiano, apontado como chefe do grupo criminoso, em Goiânia (GO). Na casa dele, que tem dois andares, mobília de luxo e uma grande piscina ao lado da sala, os policiais apreenderam computadores, celulares e anotações relacionadas ao grupo criminoso. Segundo o delegado Vinícius Oliveira Binda, substituto da Delegacia de Drogas da PF, a investigação é para verificar e corroborar a participação dele na ação.

Piscina da casa, ao lado da sala — Foto: Reprodução/PF

Segundo a PF, trata-se de um criminoso conhecido das autoridades europeias e seria membro da 'Ndrangueta', uma organização mafiosa que controla parte do tráfico de cocaína com destino à Europa.

O outro é um parceiro dele, que foi preso em Santa Catarina. O carro de luxo dele também foi apreendido.

Condomínio alvo de mandado na Praia do Canto do Forte— Foto: Polícia Federal

No Espírito Santo, foram cumpridos três mandados de busca e apreensão, sendo um deles na Av. Saturnino de Brito, na Praia do Canto, bairro nobre de Vitória, capital do estado. No prédio de luxo, os policiais apreenderam documentos e mídias digitais.

O proprietário do apartamento é dono de uma empresa de mármore e granito de Castelo, no Sul do estado, que também foi alvo da operação. Um dos delegados responsáveis pela operação explicou que essa empresa teria sido a responsável por exportar a cocaína para a Europa dentro de placas de mármore e granito.

As investigações apontaram que o empresário capixaba e o italiano já se conheciam de longa data.

Investigação começou em 2020

Segundo a Polícia Federal, a investigação teve início com informações recebidas da Itália referentes a uma apreensão de 338 kg de cocaína ocorrida no Porto de La Spezia, na Itália.

Investigação teve início com apreensão de droga na Itália— Foto: Divulgação

A droga foi apreendida em 28 de dezembro de 2020 e estava escondida entre pisos de granito, produzidos e embarcados no Espírito Santo. Quatro pessoas foram presas em flagrante na ocasião, sendo uma brasileira, uma italiana e duas albanesas.

"A partir desse momento, foram estabelecidas medidas de cooperação internacional visando obter junto à Guardia de Finanza, autoridade italiana responsável pela ação policial naquele país, todas as provas produzidas em território italiano que pudessem ajudar a determinar os envolvidos na exportação criminosa aqui no Espírito Santo ou ainda em outras localidades do Brasil", disse a PF.

Os investigados poderão responder pela prática do delito de organização criminosa, tráfico internacional de drogas e, eventualmente, pela lavagem de capitais. Se condenados, as penas aplicadas podem passar de 30 anos.

Nome da Operação

A operação foi chamada de La Spezia em menção ao nome do porto italiano onde foi apreendida a cocaína que deu origem a investigação.


A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Segurança Portuária em todo o seu contexto. A matéria veiculada apresenta cunho jornalístico e informativo, inexistindo qualquer crítica política ou juízo de valor.      

* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos. Caso não tenha conta no Google, entre como anônimo mas se identique no final do seu comentário e insira o seu e-mail.