Noticias e artigos em tudo que envolve a segurança nos portos do Brasil

Postagem em destaque

AUTORIDADE PORTUÁRIA DE SANTOS PUBLICA EDITAL DE CONCURSO PARA A GUARDA PORTUÁRIA

As inscrições serão aceitas durante os dias 1º de abril a 06 de maio. A data prevista para a prova é 23 de junho A Autoridade Portuária de...

LEGISLAÇÕES

quarta-feira, 5 de julho de 2023

0

JUSTIÇA CONDENA GRUPO QUE USOU ROUPAS DE MERGULHO PARA ESCONDER MEIA TONELADA DE COCAÍNA EM NAVIO NO PORTO DE SANTOS

 

Criminosos planejavam esconder 582 kg do entorpecente no casco de um navio. Além da droga, foram apreendidos cilindros de oxigênio e equipamentos de mergulho

A Justiça Federal condenou à prisão por tráfico internacional de drogas os sete homens detidos com 582 kg de cocaína no Porto de Santos, no litoral de São Paulo. O grupo foi flagrado pela Polícia Militar com cilindros de oxigênio e equipamentos de mergulho, em fevereiro deste ano. O g1 apurou que a droga seria escondida no casco de um navio com destino ao exterior. Da decisão, cabe recurso.

A sentença é do juiz Mateus Castelo Branco Firmino da Silva, da 5ª Vara Federal de Santos (SP). Dos sete envolvidos, cinco receberam a pena de 18 anos e oito meses de reclusão. Além deles, um membro do grupo foi condenado à prisão por 22 anos e quatro meses, e outro por 26 anos e um mês. O g1 não localizou as defesas dos homens até a última atualização desta reportagem.

A cocaína, armazenada em tabletes, estava guardada em 29 sacos de ráfia [tipo de embalagem] lacrados. Os criminosos teriam o plano de esconder a droga no compartimento submerso do navio, que não foi identificado.

Apesar do destino da embarcação não ter sido divulgado, o magistrado apontou na decisão que a finalidade internacional da cocaína "encontra-se bem evidenciada" por conta dos apetrechos e equipamentos de mergulho, apreendidos junto à droga.

O g1 apurou ainda que foram apreendidos, além dos entorpecentes, três pares de nadadeiras de mergulhador, três roupas de neoprene de mergulho, três máscaras de mergulho e sete cilindros de ar comprimido.

Entenda o caso

Os sete homens foram presos a bordo de duas embarcações, em fevereiro deste ano, no Porto de Santos (SP). Com eles foram apreendidos 582 kg de cocaína, cilindros de oxigênio e equipamentos de mergulho.

Conforme apurado pelo g1 à época, uma equipe da Companhia Marítima da Polícia Militar Ambiental (Cia Mar) apresentou à Polícia Federal os criminosos que estavam preparados para começar a inserir drogas no casco de um navio com destino ao exterior. Eles prestaram depoimento ao delegado, que ratificou a prisão.

Fonte: g1 Santos e Região


Esta publicação é de inteira responsabilidade do autor e do veículo que a divulgou. A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Segurança Portuária em todo o seu contexto. A matéria veiculada apresenta cunho jornalístico e informativo, inexistindo qualquer crítica política ou juízo de valor.      

* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos. Caso não tenha conta no Google, entre como anônimo mas se identique no final do seu comentário e insira o seu e-mail.