Postagem em destaque

CONPORTOS ABRE AS INSCRIÇÕES PARA A 20ª EDIÇÃO DO CURSO ESPECIAL DE SUPERVISOR DE SEGURANÇA PORTUÁRIA

O curso será realizado entre os dias 01 a 05 de novembro, na cidade de João Pessoa, na Paraíba Na última segunda-feira (06), foi publicado...

LEGISLAÇÕES

sexta-feira, 21 de maio de 2021

0

POLÍCIA ITALIANA APREENDE 400 KG DE COCAÍNA PROCEDENTES DO BRASIL

 


O contêiner "em trânsito" era procedente do Porto de Santos (Brasil)

Na última sexta-feira (17), as autoridades italianas apreenderam no Kosovo, 400 kg de cocaína. Agentes italianos, albaneses e kosovares participaram da operação. A carga está estimada em mais de US$ 122 milhões.

A carga ilícita foi identificada pelos Fiamme Gialle (chamas amarelas) da Guardie di Finanza de Reggio Calabria e pelos funcionários da Alfândega por meio de scanner no Porto de Gioia Tauro, em um contêiner "em trânsito" procedente do Porto de Santos (Brasil), que tinha como destino final o Porto de Odessa, na Ucrânia e era dirigido a uma empresa sediada em Lipjan, no Kosovo, país localizado na península dos Bálcãs.

Entrega Controlada

A fim de identificar os autores tráfico, e monitorar as conexões da organização criminosa na Europa, a Direcção Distrital Antimáfia (DDA) de Reggio Calabria (Ministério Público de Reggio Calabria), dirigido pelo procurador Giovanni Bombardieri, assistido pelo Subprocurador Calogero Gaetani Paci e Subprocurador Francesco Ponzetta, ordenou a execução de uma entrega controlada internacional, ou seja, deixar o contêiner em trânsito chegar ao seu destino, mediante a emissão de uma carta rogatória ao Gabinete do Procurador do Estado do Kosovo e ao Gabinete do Procurador Especial da Albânia.

A operação foi realizada em território Kosovar em conjunto com a Polícia Kosovar e a Polícia Criminal Albanesa, com a coordenação da Central de Direção dos Serviços antidrogas do Departamento de Segurança Pública do Ministério do Interior e do segundo departamento do Comando Geral da Guardia di Finanza "Coordenação da informação e relações internacionais".

Apreensão da droga na Albânia

Com um GPS acoplado ao contêiner, os investigadores puderam acompanhar a rota da droga. Ao chegar a Durrës, na Albânia, o contêiner foi carregado em um caminhão com destino a Lijan. 

Segundo as autoridades, no final da operação internacional antidrogas, que terminou já durante à noite nos Bálcãs, a Guardia di Finanza, e as polícias albanesa e kosovar, depois de acompanhar o contêiner durante toda a viagem, apreenderam 354 tabletes de cocaína pura, para um total de 400 kg, escondidos em caixas contendo oficialmente "frango".

Prisões

No final da operação 25 pessoas foram presas, incluindo trabalhadores, funcionários e motoristas da empresa "Mc Food", com sede em Kavaja, Albânia, e Lipja, Kosovo. Sete dos presos também foram presos por tráfico internacional de drogas.

Entre eles está o caminhoneiro que disse desconhecer a presença da droga. As investigações agora se concentram nos dois proprietários do "Mc Food", um kosovar e um albanês.

"Se fosse vendida no varejo no mercado europeu, a droga teria rendido ao crime organizado mais de 100 milhões de euros", estimou a polícia italiana.






A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto. A matéria veiculada apresenta cunho jornalístico e informativo, inexistindo qualquer crítica política ou juízo de valor.    

* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos. Caso não tenha conta no Google, entre como anônimo mas se identique no final do seu comentário.