Postagem em destaque

PF FLAGRA PORTUÁRIOS COM PACOTES DE COCAÍNA NO CORPO PARA EMBARQUE EM NAVIO

Trabalhadores do Porto de Santos tentaram levar carregamento até navio atracado no cais, que foi cercado pela Guarda Portuária. Tablete...

quinta-feira, 6 de novembro de 2014

0

ACIDENTE MATA TRABALHADOR NO PORTO DE SANTOS



Um homem morreu na manhã do dia 6 de outubro, após sofrer um acidente de trabalho no Porto de Santos, no litoral de São Paulo. Ele prestava serviço terceirizado a um terminal portuário.
Wellington Monteiro, de 22 anos, era funcionário da RDC Metalúrgica Ltda, que presta serviços ao Terminal Açucareiro Copersucar, comercializadora global de açúcar e etanol, e realizava a montagem de um elevador no Armazém XVI do Porto de Santos.
De acordo com a assessoria de imprensa da Copersucar, a vítima bateu o rosto na estrutura. Com um ferimento grave, ele foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e levado à Santa Casa de Misericórdia de Santos. O homem não resistiu e faleceu devido a uma hemorragia.
O caso foi encaminhado para a Delegacia de Atendimento ao Turista (Deatur), localizado ao lado do Portão 12 da Codesp, e o local isolado para perícia.
O trabalhador estava em uma espécie de andaime, há alguns metros do chão. Segundo a Copersucar, o funcionário usava os equipamentos de segurança necessário, o que evitou que houvesse uma queda.
O Corpo de Bombeiros foi acionado e prestou socorro ao funcionário. De acordo com a corporação, ele foi levado para a Santa Casa de Misericórdia de Santos, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.
A Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp) está apurando o ocorrido. Após o levantamento, realizado pela Guarda Portuária, um boletim de ocorrência interno foi feito.
O corpo de Wellington chegou por volta das 18 horas no Instituto Médico Legal (IML) de Santos, onde passou por autopsia.



Fonte: G1 e A Tribuna On-line







Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEGISLAÇÕES