Postagem em destaque

GUARDA PORTUÁRIA APREENDE COCAÍNA NO PORTO DE SANTOS

O contêiner onde a droga estava escondida tinha como destino o Porto de Algeciras, na Espanha. Dois elementos foram presos em flagrant...

quarta-feira, 12 de novembro de 2014

0

PORTO DE ITAJAÍ ABRE MÃO DE GUARDA NO MOLHE


Foto: Marcos Porto

O molhe de Itajaí já não tem mais segurança privada. O contrato com a empresa que fazia a guarda no local, em apoio à Guarda Portuária, terminou há pouco mais de um mês e o Porto de Itajaí, que é responsável pela estrutura, não fará uma nova contratação.
Desde então o molhe e a associação do porto, que também fica na Atalaia, têm a presença da Guarda Portuária apenas à noite e nos fins de semana.
A direção do porto afirma não ver problemas na redução da segurança ostensiva do molhe porque o local é monitorado por câmeras. Mas o espaço tem histórico de confusões, o que preocupa os frequentadores. Há poucos dias, inclusive, uma pessoa foi encontrada morta no local.
Com compromisso de reduzir pessoal como uma das medidas para equilibrar as contas, o porto tem déficit de guardas portuários – e não é de hoje. Porém, não há planos para novos concursos.
Recentemente o Porto de Itajaí recebeu da Antaq uma notificação de R$ 50 mil porque os guardas portuários não estão atuando nos gates da APM Terminals, arrendatária dos berços 1 e 2.
Num entendimento diferente da Antaq, o porto alega não ter justificativas para empregar guardas pagos com dinheiro público para segurança em local administrado pela empresa privada.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEGISLAÇÕES