Postagem em destaque

NOVO SISTEMA DE ACESSO NO PORTO DO RIO

CDRJ realiza primeiro teste do novo sistema de acesso automatizado de veículos no Porto do Rio A Superintendência da Guarda Port...

sábado, 9 de maio de 2015

2

GUARDA PORTUÁRIA ENTRARÁ EM GREVE POR TEMPO INDETERMINADO




Em assembleia da categoria, realizada no dia 04/05, às 16h30, a Guarda Portuária decidiu pela paralisação de suas atividades, por tempo indeterminado, a partir das 7 horas do dia 12/05, próxima terça-feira. A deliberação ocorreu por unanimidade e ficou nítida a insatisfação da categoria frente ao descaso e arrogância da Companhia Docas do Espírito Santo (Codesa), que sequer respondeu correspondência cobrando explicações pelo não cumprimento de cláusula do Acordo Coletivo de Trabalho sobre a participação no resultado da empresa (PLR).
A deterioração das relações com a empresa vem progredindo desde 2013, quando denunciamos as precárias e desumanas condições de trabalho impostas à Guarda Portuária, que trabalha em meio à infestação de baratas e ratos, com banheiros imundos e sanitários quebrados, em muitos locais desprovidos até de condicionadores de ar, indispensáveis quando lembramos que as estruturas de apoio foram confeccionadas em material metálico, que potencializam e condicionam o calor de forma insuportável dentro daqueles ambientes. Não dá!
O que dizer então de uma companhia que não consegue fazer uma licitação para adequação de item constante de Acordo Coletivo de Trabalho celebrado desde junho 2014, relativo ao vale-cultura? Pois é. Até agora estamos sem usufruir deste benefício.
Importante ressaltar que o Sindguapor esgotou todas as possibilidades de diálogo, procurando insistentemente os gestores da companhia ao longo de todo este tempo, a fim de que houvesse solução negociada e eficaz aos casos. Sem sucesso.
Desta forma, só nos restou o direito de greve para sensibilizar a empresa a cumprir com seus compromissos assumidos, que tem dia e hora marcada para começar: 12 de maio, mas não cessará até que as nossas justas reivindicações sejam atendidas, não sendo aceitas promessas de solução, como no passado, uma vez que a greve é o nosso último recurso.
Não dá mais!
Dia: 12 de maio (terça-feira)
Horário: a partir das 7 horas, por tempo indeterminado.
Palavra e compromisso parecem não fazer parte do caráter de alguns dirigentes.


Fonte: SINDGUAPOR .

*Esta publicação é de inteira responsabilidade do autor e do veículo que a divulgou. A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto, não cabendo a esse Portal a emissão de qualquer juízo de valor.
                                                                                
* Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.





2 comentários:

  1. SÓ NOS RESTA LUTAR, SEMPRE.

    CILENO BORGES

    ResponderExcluir
  2. AGORA É GREVE NELES !!!!!!!!!!!!!

    GP ALEXANDRE - ES

    ResponderExcluir

LEGISLAÇÕES