Postagem em destaque

FISCALIZAÇÃO CONSTATA IRREGULARIDADES EM PORTO DO PARÁ

Essas fiscalizações ocorreram em virtude de denúncia de trabalhadores portuários que, sem representatividade de fato, buscaram por mei...

domingo, 23 de outubro de 2016

0

CADE REJEITA ACORDO PARA ENCERRAR INVESTIGAÇÃO DE CARTEL NO PORTO DE SANTOS


Sindigran (foto:Tiradentesguaru)

Segundo a Conselheira do CADE, a proposta não foi oportuna nem conveniente por ser um caso muito grave

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) rejeitou proposta de acordo para encerrar investigação de cartel no transporte de cargas no Porto de Santos. No processo, são investigados a Associação Comercial dos Transportadores Autônomos (Acta) e o Sindicato dos Transportadores Rodoviários de Cargas a Granel (Sindgran), suspeitos de formar cartel e cobrar preços abusivos.
Nesse processo, os investigados levaram ao conselho uma proposta de Termo de Compromisso de Cessação (TCC) em que se comprometia a, por exemplo, pagar multa de R$ 50 mil cada para encerrar o processo.
A conselheira relatora, Cristiane Alkmin, votou contra a homologação do termo e foi seguida por todos os conselheiros. Ela afirmou que a proposta não atende as principais preocupações concorrenciais do caso, o montante oferecido como multa foi muito baixo e não há admissão de culpa por parte dos investigados. "A proposta não foi oportuna nem conveniente. Esse é um caso muito grave", afirmou.

O Cade é vinculado ao Ministério da Justiça e responsável pela punição de práticas anticoncorrênciais no mercado. Entre os principais indícios estão o sobre preço praticado pelas entidades para o transporte de fertilizantes e outros granéis sólidos, chegando, em alguns casos, a 120% do valor praticado pelo mercado. Também eram usadas medidas intimidatórias contra outros motoristas, como bloqueios físicos e até violência. Há ocorrências de depredação de caminhões e automóveis, e até uso de coquetel molotov contra um dos que tentaram contestar a atuação das entidades.

* Esta publicação é de inteira responsabilidade do autor e do veículo que a divulgou. A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto, não cabendo a esse Portal a emissão de qualquer juízo de valor.
                                                                                                                                                                                          
* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.
                                                                                                                                                
COMENTÁRIOS

Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEGISLAÇÕES