Postagem em destaque

CONPORTOS PROMOVE RECADASTRAMENTO DE SUPERVISORES DE SEGURANÇA

Sandro Torres Avelar, presidente da Conportos O objetivo é de manter atualizado o cadastro interno da CONPORTOS e das demais organiza...

terça-feira, 6 de dezembro de 2016

0

GUARDA PORTUÁRIA EVITA FURTO DE 700 KG DE CABO DE COBRE




O fato ocorreu no Porto de Aratu-Candeias-Bahia
Na manhã do dia 1º de dezembro de 2016, em ronda de rotina no Porto de Aratu, o Inspetor da Guarda Portuária Eli Joaquim, juntamente com o Guarda Portuário Jessival Santos, localizaram uma quantidade significativa de cabos de cobre (alguns desencapados e outros íntegros), em uma área de difícil acesso, localizada atrás do Silo da ex-operadora Alcan.

Imediatamente, o Chefe de Serviço da Guarda Portuária Portuária, Dinelson Fernandes Júnior, foi acionado e se deslocou para o local com mais dois GPort (Alex Rodrigues e Ricardo Sacramento). Chegando ao local, detectaram que havia aproximadamente 700 kg de cabo de cobre. No local ainda encontraram garrafas com água gelada (o que determinava que a ação estava ocorrendo naquele momento), alimentos frescos, roupas, sacos de linhagem e vários estiletes, todo material que caracterizava um local de retirada clandestina de cobre do seu revestimento.

Ao vasculharem mais a área, vários pontos de cabo de cobre foram localizados, além de uma chave de moto, de fabricação popular, pendurada no galho de uma árvore. De imediato, os Guardas fizeram uma busca pela localidade e nas proximidades do Porto de Aratu com 2 (duas) viaturas, sob o comando do Chefe da Guarda Portuária. Por volta das 12:00h, na estrada que liga a rótula da entrada do porto ao vilarejo Caboto, encontraram ROBERTO DA SILVA CONCEIÇÃO, arrastando uma moto vermelha, da fabricante Honda, modelo Biz, sem placa e sem documentação. Após abordagem e algumas contradições do suspeito, o mesmo confirmou que a chave em posse da Guarda Portuária era do veículo que ele conduzia e, após ser interpelado várias vezes, alegou que já foi preso por tráfico de drogas e que a moto era de origem fraudulenta (golpe conhecido popularmente como veículo Pokemon).
                                    
Os Guardas Portuários acionaram a 10 ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM – Candeias), que enviou os Policiais Militares SD-PM SENA, SD-PM PINHEIRO e SD-PM REINALDO e, em parceria, conduziram o suposto transgressor, a moto e todo material encontrado no local para a 20ª Delegacia Territorial (DT – Candeias), onde às 14:00h foi lavrado o Boletim de Ocorrência nº 05243/2016.


Fonte: ASGPOR-BA

* Esta publicação é de inteira responsabilidade do autor e do veículo que a divulgou. A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto, não cabendo a esse Portal a emissão de qualquer juízo de valor.
                                                                                                                                                                                          
* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.
                                                                                                                                                
COMENTÁRIOS

Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEGISLAÇÕES