Postagem em destaque

COMPANHIA DOCAS PRETENDE AMPLIAR SEGURANÇA NO PORTO DE SANTOS

Autoridade Portuária de Santos planeja aumentar quantidade de câmeras de vigilância e adotar tecnologias mais modernas no cais Amplia...

LEGISLAÇÕES

terça-feira, 29 de janeiro de 2019

0

RECEITA FEDERAL APREENDE 347 KG COCAÍNA NO PORTO DE PARANAGUÁ



A droga estava escondida em um contêiner de celulose que teria como destino o Porto de Antuérpia, na Bélgica

Na madrugada de 30 de dezembro, a equipe de vigilância da Receita Federal no Porto de Paranaguá apreendeu 347 quilos de cocaína.
A droga estava escondida dentro de oito bolsas pretas que foram colocadas clandestinamente em um contêiner de celulose que teria como destino o Porto de Antuérpia, na Bélgica. Esse método de introdução de ilícitos dentro de contêiner sem conhecimento do dono da carga é conhecido como rip-on/rip-off.

A suspeita de irregularidade foi levantada em razão da porta do contêiner estar entreaberta no momento do carregamento no navio o que deixou visível as sacolas com o conteúdo ilícito.
A droga foi encaminhada para a sede da Polícia Federal em Curitiba que seguirá com as investigações.

Com essa última apreensão, sobe para quase 5 toneladas a quantidade de cocaína apreendida somente no Porto de Paranaguá em 2018, o que representa aproximadamente 200 milhões de reais. Foram realizadas 11 apreensões em 2018.


Esta publicação é de inteira responsabilidade do autor e do veículo que a divulgou. A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto. A matéria veiculada apresenta cunho jornalístico e informativo, inexistindo qualquer crítica política ou juízo de valor.                                                                                             
* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.                                                                                                                          

  COMENTÁRIOS                             
Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.