Postagem em destaque

HACKERS QUEREM BITCOINS PARA DEVOLVER CONTROLE DO PORTO DE FORTALEZA

Eles tomaram controle do sistema de gerenciamento de cargas e veículos na segunda-feira. Desde segunda-feira (28) o Porto do Mucuripe...

LEGISLAÇÕES

segunda-feira, 4 de novembro de 2019

0

REPRESENTANTES DAS FORÇAS ARMADAS DE TRÊS PAÍSES VISITARAM O PORTO DE PARANAGUÁ



O trabalho de segurança nos Portos do Paraná está muito bem conectado com o trabalho dos demais órgãos.
Uma comitiva integrada por adidos navais do Chile, Estados Unidos e México esteve no Porto de Paranaguá, no dia 23 de outubro. Os cinco oficiais da Marinha foram recebidos pelo chefe da Guarda Portuária do Porto de Paranaguá, major César Kamakawa.
Kamakawa apresentou aos visitantes a estrutura e a organização da segurança na área pública do Porto de Paranaguá. Além de ouvir a palestra eles também visitaram o cais.


“O trabalho de segurança nos Portos do Paraná está muito bem conectado com o trabalho dos demais órgãos como Receita Federal, Polícia Federal, Polícia Militar, Guarda Municipal. Vejo que esse grupo que nos visita também está buscando ampliar essa integração dos órgãos de segurança em seus países”, completa o chefe da Guarda Portuária.
O representante do grupo, Comandante Benedict Clarck, da Marinha dos Estados Unidos (EUA), explica que faz parte do trabalho deles, enquanto agentes de segurança, aprender sobre a Marinha brasileira e todas as áreas em que atuam, o que incluem os portos.


“A segurança nos portos é parte importante da nossa segurança também, da segurança do nosso Comércio Exterior. Isso diz respeito a todas as nossas forças armadas, por isso temos que conhecer e aprender mais sobre as condições de segurança nos Portos do Brasil, o que inclui Paranaguá, o segundo maior porto do país, um porto muito importante”, afirma Clarck.
O representante da Marinha norte-americana ainda se disse impressionado com a organização e ocupação dos espaços, no Porto de Paranaguá, e com a conexão que a segurança portuária tem com a Marinha (Capitania dos Portos do Paraná) e demais agentes de segurança. “É muito interessante esse trabalho de cooperação e como os órgãos de segurança trabalham integrados: o Porto, a Marinha, a polícia local”, pontua.
Além do comandante Clarck, integravam a comitiva o tenente Coronel Miguel Gonzales (ajudante de adido do Exército dos EUA) e os comandantes Filip Capistrano (da Guarda Costeira, EUA), Edgardo Acevedo (Adido de Defesa do Chile) e Arturo Garcia (México).
Pela manhã, o grupo esteve na Capitania dos Portos. Antes de visitar o Porto de Paranaguá, eles estiveram no Porto de Santos.


A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto. A matéria veiculada apresenta cunho jornalístico e informativo, inexistindo qualquer crítica política ou juízo de valor.                                                                                             
* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.