Postagem em destaque

QUEM SÃO OS BANDIDOS BRASILEIROS MAIS PROCURADOS NO PAÍS E NO MUNDO? VEJA LISTA

  Dos 18 foragidos na lista nacional, oito têm ordem de prisão por crime de tráfico de drogas (44%) Traficantes e assaltantes conhecidos, ma...

LEGISLAÇÕES

quinta-feira, 5 de agosto de 2021

0

POLÍCIA FEDERAL INAUGURA CENTRO DE INTELIGÊNCIA NO RIO DE JANEIRO

 


Centro fortalecerá a desarticulação de organizações criminosas voltadas ao tráfico de drogas e de armas

A Polícia Federal (PF) inaugurou no dia 29 de julho, na Superintendência Regional do Rio de Janeiro, o Centro Integrado de Investigações e Operações de Segurança Pública no Estado do Rio de Janeiro – “Missão Redentor”.

A “Missão Redentor” será permanente, e contará com um grupo de policiais especializados na área de inteligência no combate aos crimes em questão, podendo ser ampliado na medida de suas necessidades.

Objetivo

O Centro de Inteligência Policial Operacional será dotado de meios e equipamentos para realizar os trabalhos de investigação, interceptação, monitoramento e processamento das informações obtidas. O núcleo focará nas ações de criminosos ligados ao tráfico de drogas e armas e às milícias.

Coordenação

A coordenação do trabalho será da direção da PF, em Brasília A equipe terá inicialmente três delegados e cerca de 20 agentes. Dez desses analistas virão de outros estados para atuar no Rio de Janeiro.

Missão

A missão vai mapear áreas de influência e atuação de grupos criminosos violentos e desarticular as suas estruturas organizacionais, por meio da prisão de lideranças e da apreensão de material ilícito e valores e bens obtidos com recursos provenientes dos delitos praticados.


Segundo o delegado Luiz Flávio Zampronha, diretor de Investigação e Combate ao Crime Organizado da PF, as investigações vão focar nos chefes das facções visando a descapitalização patrimonial desses grupos.

Local

A escolha do local do Centro de Inteligência Policial Operacional da Missão Redentor se deu em virtude da expansão das facções criminosas no estado do Rio de Janeiro.

Homenagem

No espaço destinado para o trabalho das equipes, no interior da Superintendência da PF, no Centro do Rio, haverá um auditório que será batizado com o nome do agente Ronaldo Heeren, morto em fevereiro de 2020, na comunidade do Rola, em Santa Cruz, área dominada por uma milícia.


A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Segurança Portuária em todo o seu contexto. A matéria veiculada apresenta cunho jornalístico e informativo, inexistindo qualquer crítica política ou juízo de valor.      

* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos. Caso não tenha conta no Google, entre como anônimo mas se identique no final do seu comentário.