Postagem em destaque

CONPORTOS ABRE AS INSCRIÇÕES PARA O CURSO ESPECIAL DE SUPERVISÃO EM SEGURANÇA PORTUÁRIA

  O período de inscrição é de 18 de maio de 2022 a 05 de junho. Serão disponibilizadas 240 (duzentas e quarenta) vagas A Comissão Nacional...

LEGISLAÇÕES

sábado, 11 de junho de 2022

0

RECEITA FEDERAL APREENDE 170,5 KG DE COCAÍNA NO PORTO DE ITAPOÁ


A droga estava escondida em quatro bolsas pretas, numa carga de bobinas de papel, com destino ao Marrocos, na África

A Receita Federal do Brasil (RFB) apreendeu, em 1º de junho, 170,5 kg de cocaína no Porto de Itapoá, no Litoral Norte de Santa Catarina. A droga estava escondida em quatro bolsas pretas, numa carga de bobinas de papel com destino ao Marrocos, na África.

As bolsas foram descobertas pelo Setor de Inteligência da Receita Federal. Um alicate de arrombamento tático, foi utilizado para abrir o contêiner. Foi mais uma ação dos agentes da Receita Federal, para combater o tráfico internacional de drogas.

Segundo Clayton Meyer, delegado da Receita Federal, todas as cargas que entram nos portos são escaneadas. Se algo é percebido, fica mais fácil de ser verificada. “Além do trabalho com cães de faro, o trabalho com scanner ajuda bastante. É um trabalho incessante, enquanto a Receita Federal existir, o crime não terá sossego.”

Essa foi a quarta apreensão realizada pela RFB em 2022, no porto catarinense. Ao todo, 676,5 kg de cocaína foram retidos pelo órgão este ano.

O método utilizado pelos traficantes foi o rip-on/rip-off, quando o contêiner é aberto sem o conhecimento do exportador, e a droga é ilegalmente introduzida.

Os contêineres com bobinas de papel são visados para esse tipo de procedimento, pois apresentam espaços vazios em seu interior que permitem o carregamento e descarregamento das mochilas com drogas de maneira mais ágil.

Veja o vídeo da apreensão no nosso canal do You Tube:



A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Segurança Portuária em todo o seu contexto. A matéria veiculada apresenta cunho jornalístico e informativo, inexistindo qualquer crítica política ou juízo de valor.      

* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos. Caso não tenha conta no Google, entre como anônimo mas se identique no final do seu comentário.