Noticias e artigos em tudo que envolve a segurança nos portos do Brasil

Postagem em destaque

AUTORIDADE PORTUÁRIA DE SANTOS PUBLICA EDITAL DE CONCURSO PARA A GUARDA PORTUÁRIA

As inscrições serão aceitas durante os dias 1º de abril a 06 de maio. A data prevista para a prova é 23 de junho A Autoridade Portuária de...

LEGISLAÇÕES

sexta-feira, 10 de maio de 2024

0

GDF APREENDE 150 KG DE COCAÍNA NO PORTO DE RAVENNA, NA ITÁLIA


A embarcação partiu no final de fevereiro do Porto de Santos, no Brasil, e chegou ao Porto de Ravenna para descarregar fertilizantes

As autoridades italianas apreenderam no dia 17 de abril 150 kg de cocaína em um navio no Porto de Ravenna, na região da Emilia-Romagna, no norte do país.  

O navio Acasia, com bandeira das Ilhas Marshall, foi abordado pela Guardia di Finanza (GDF) e pela Polícia Estadual de Ravenna, perto do Porto de Ravenna, Itália, fruto de investigações coordenadas pelo promotor Raffaele Belvederi, do Ministério Público, com o apoio da MAOC-N (Centro de Análise e Operações Marítimas), com sede em Lisboa.

Navio Acasia

Segundo as autoridades italianas, a inspeção contou com o apoio dos mergulhadores do departamento de operações aeronavais de Rimini, que examinaram a parte submersa do casco e encontraram a droga a cerca de nove metros abaixo da linha da água, após várias horas de trabalho e apesar das dificuldades ligadas às péssimas condições meteorológicas e marítimas.  

Durante as buscas, os agentes localizaram 9 fardos,  com 139 tabletes, totalizando 150 kg de cocaína pura, protegidos por embalagens impermeáveis, escondidos no interior dos compartimentos de captação do mar (sea chest ou caixa-mar), e que não fazem parte dos equipamentos do navio. 

A operação, que contou com a intervenção de cães, também foi realizada em conjunto com a gestão central dos serviços antidrogas e o serviço operacional central da Polícia Estadual de Roma.  

O valor da droga recuperada foi estimado em mais de 5 milhões de euros no atacado e em cerca de 25 milhões de euros no varejo.  

De acordo com as autoridades italianas, a embarcação partiu no final de fevereiro, do Porto de Santos, no Brasil, com destino ao norte da Europa, antes de chegar ao Porto de Ravenna para descarregar fertilizantes.

Segundo dados divulgados pelo serviço antidrogas do Departamento de Segurança Pública do Ministério do Interior, o Brasil é o segundo país de origem de toda cocaína apreendida na Itália.



A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Segurança Portuária em todo o seu contexto. A matéria veiculada apresenta cunho jornalístico e informativo, inexistindo qualquer crítica política ou juízo de valor.   

* Texto: O texto deste artigo relata acontecimentos, baseado em fatos obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis e dados observados ou verificados diretamente junto a colaboradores.

* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e adicionado o link do artigo. 



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos. Caso não tenha conta no Google, entre como anônimo mas se identique no final do seu comentário e insira o seu e-mail.