Postagem em destaque

GREVE DOS GUARDAS PORTUÁRIOS NO RIO É CANCELADA APÓS DETERMINAÇÃO DA JUSTIÇA PARA MANTER ESCALA DE TRABALHO

  Nível de Proteção do porto chegou a ser elevado para 2 No dia 14, quinta feira, o Sindicato dos Trabalhadores nos Serviços Portuários do...

LEGISLAÇÕES

quarta-feira, 20 de janeiro de 2021

0

OPERAÇÃO PRENDE PMS E APREENDE 1,5 TONELADA DE COCAÍNA, FUZIS, PISTOLAS E CENTENAS DE BALAS NO GRANDE RECIFE

 

De acordo com a Polícia Militar, entre os policias presos, há dois de Pernambuco, sendo um da reserva, e outro da Bahia.

Três policiais militares e outro homem foram presos, em Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife, na madrugada do último domingo (17), em uma ação que resultou em uma apreensão de drogas e armas de grosso calibre.

Segundo a Polícia Militar (PM), as equipes recolheram 1,5 tonelada de cocaína em tabletes, dois fuzis de uso exclusivo do Exército (um deles com alcance de quatro quilômetros), cinco pistolas com alcance de 600 metros, e mais de 450 balas de vários calibres.

Em entrevista coletiva, a PM informou que foram presos dois policiais militares de Pernambuco: Clebernilson de Souza Ferreira, sargento do 5º Batalhão da PM, em Petrolina, e que está na corporação há mais de 15 anos; e Boaventura Douglas Nunes de Lima, sargento da reserva da PM há mais de 10 anos.

Houve, ainda, a prisão de Rosemberg Nunes Peixoto, soldado da ativa da PM na Bahia, e Flávio Santana Mota, baiano com antecedentes criminais.

Os quatro foram autuados na Delegacia de Jaboatão Centro. Segundo a Polícia Civil, eles vão responder por tráfico de entorpecentes, associação criminosa, violação de domicílio, tortura e porte ilegal de armas de uso restrito e permitido.

A PM disse, ainda, que os policiais de Pernambuco sob suspeita “serão submetidos não apenas a procedimentos na Justiça, mas a procedimentos investigativos internos de controle para apurar as circunstâncias dos seus envolvimentos no fato”. Eles podem ser expulsos da corporação.

Na audiência de custódia, realizada na segunda-feira (18), todos tiveram as prisões preventivas decretadas. Os PMs foram para o Centro de Reeducação da Polícia Militar (Creed) e o civil seguiu para o Centro de Observação e Triagem Criminológica Professor Everardo Luna (Cotel), no Grande Recife.

Na nota, a PM explicou que tudo começou quando equipes do 25º Batalhão receberam uma denúncia da Central de Operações de uma ocorrência envolvendo reféns em Manassu, um loteamento próximo ao condomínio Alphaville.

Diante disso, militares do Grupo de Apoio Tático Itinerante (Gati) e da contrarresposta da unidade seguiram para o local. Eles perceberam a movimentação de um veículo, com quatro ocupantes, “em atitude suspeita”.

“Os policiais deram voz de parada e iniciaram a abordagem policial, momento este em que o Batalhão de Radiopatrulha, que acompanhava a situação via rádio, chegou ao local em apoio”, disse a nota.

Ainda segundo a PM, no veículo estavam os PMs, o civil e os armamentos. Uma parte da equipe levou os presos para a delegacia. Enquanto isso, o Gati continuou as investigações.

Em Alphaville, os militares chegaram até uma casa. “Dois caseiros, que estavam no local, informaram que o grupo, preso instantes atrás, havia entrado e revirado toda a casa em busca de armas e drogas”, disse a PM no comunicado.

Então, a equipe pediu apoio do policiamento de cães para entrar na residência. Antes de receber o reforço, os militares localizaram os tabletes da cocaína no local, em um contêiner no terreno da casa. A polícia investiga quem é o dono da casa e avaliou a droga apreendida em R$ 45 milhões.

Ainda foram apreendidos diversos carregadores e munições, além de rádios comunicadores, celulares, coletes balísticos, balaclavas e maçaricos e uniformes da polícia. Ao todo, 48 policiais militares participaram da apreensão. Todo o material foi levado para a delegacia de Prazeres, também em Jaboatão.

Fonte: G1 Pernambuco



Esta publicação é de inteira responsabilidade do autor e do veículo que a divulgou. A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto. A matéria veiculada apresenta cunho jornalístico e informativo, inexistindo qualquer crítica política ou juízo de valor.      
                                                                                       
* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos. Caso não tenha conta no Google, entre como anônimo mas se identique no final do seu comentário.