Noticias e artigos em tudo que envolve a segurança nos portos do Brasil

Postagem em destaque

OPERAÇÃO CONJUNTA DA GUARDA PORTUÁRIA E POLÍCIA CIVIL PRENDE HOMEM APONTADO COMO INTEGRANTE DO COMANDO VERMELHO

  Ele tinha um mandado de prisão preventiva pelo crime de associação para o tráfico de drogas Na noite da sexta-feira (26/01), a Guarda Po...

LEGISLAÇÕES

sexta-feira, 14 de julho de 2023

0

RECEITA FEDERAL RESGATA CACHORROS EM CONTÊINER QUE IRIA PARA A CHINA

 

O contêiner, que em tese deveria estar vazio, foi submetido à inspeção do scanner e os animais foram localizados

Agentes da Receita Federal do Brasil (RFB) encontraram na tarde da última segunda-feira, 10 de julho, no Porto de Navegantes, no litoral de Santa Catarina, dois cachorros dentro de um contêiner que tinha como destino a China.

O contêiner, que em tese deveria estar vazio, foi submetido à inspeção do scanner e os animais foram localizados. Rapidamente, os servidores da RFB e a equipe de funcionários do terminal portuário se mobilizaram para resgatar os animais.

Segundo informações da Receita Federal, não é possível precisar ainda quanto tempo os animais ficaram presos no contêiner. No entanto, pelo aspecto magro dos animais, a suspeita é de que possa ter sido um período extenso.

Segundo o órgão, do momento da chegada do equipamento no porto, até os animais serem alimentados, foram três 3 horas. O nome da empresa dona do contêiner não foi divulgado.

A agilidade foi possível graças ao monitoramento constante feito pelos servidores da alfândega, que utilizam o scanner para verificar se o interior dos contêineres é compatível com a declaração feita às autoridades aduaneiras. A título de exemplo, mais de 800 kg de cocaína que seriam enviados para o exterior este ano já foram detectados com o auxílio do scanner.

Antes de chegar ao terminal, o contêiner encontrava-se em um pátio próximo a região portuária. A hipótese mais provável é que, com as chuvas que atingem a área, os animais, sem raça definida, tenham se abrigado dentro do contêiner e os funcionários do pátio não perceberam as presenças deles na hora de fechar as portas. Considerando-se o alto nível de ruído nas áreas de movimentação de contêineres e a visibilidade prejudicada pelas condições climáticas, a possibilidade de uma ação dolosa é muito baixa. 

Após passar a noite no canil construído para abrigar a equipe de cães de faro da equipe K9 da Receita Federal, os animais foram encaminhados pela empresa Portonave, que administra o terminal portuário, para uma clínica veterinária e depois seguiriam para um hotel para cachorros para aguardar uma possível adoção.


A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Segurança Portuária em todo o seu contexto. A matéria veiculada apresenta cunho jornalístico e informativo, inexistindo qualquer crítica política ou juízo de valor.      

* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos. Caso não tenha conta no Google, entre como anônimo mas se identique no final do seu comentário e insira o seu e-mail.