Postagem em destaque

GUARDAS PORTUÁRIOS PARTICIPAM DE CURSO DE CAPACITAÇÃO PARA ADESTRAMENTO DE CÃES NO PARÁ

As instruções teóricas foram realizadas tanto em espaços ao ar livre quanto em sala, com apresentações em slides e considerações impor...

terça-feira, 19 de junho de 2012

0

DESEMBARGADORES ACOMPANHAM A ESCALAÇÃO NO PORTO DE SANTOS






A vice-presidente do Tribunal Regional do Trabalho (TRT-SP), Anelia Li Chum e a juíza Ivani Contini Bramante se deslocaram da capital para acompanharem na tarde de ontem (18/06), a escalação dos trabalhadores portuários avulsos do Porto de Santos.


Elas passaram primeiro pelo Órgão Gestor de Mão de Obra - Ogmo e depois acompanharam as "paredes" no ponto de escalação 3 - P3.

O objetivo da visita foi apurar como funcionam as duas escalações de mão de obra. A escalação experimental, retomada na última sexta-feira, trouxe de volta o método antigo de distribuição das atividades.  “Não adianta julgar sem conhecer a realidade. Vim ao porto para conhecer como o sistema funciona”, adiantou Ivani.

O entrave no Porto de Santos já dura quase um mês. No dia 29 de maio entrou em vigor a escalação eletrônica dos trabalhadores portuários avulsos. Junto com o novo sistema veio o descontentamento por parte dos trabalhadores, que criticam o novo sistema e o descanso de 11 horas entre as jornadas no porto. 


Mais rápida 


Assim como na última sexta-feira, pelo sistema antigo, os trabalhadores foram escalados em menos tempo, 74 homens foram convocados em 14 minutos. Pela escala eletrônica, a maioria das turmas levou pelo menos 30 minutos para saber onde iria trabalhar. 

Os dois sistemas serão analisados até a próxima quinta-feira. Após a vistoria, um relatório será feito e apresentado na terceira audiência de conciliação, marcada para sexta-feira, às 14 horas, em São Paulo.

                                                    Vídeo Jornal A Tribuna 2ª Edição - TV TRIBUNA

Fonte: Jornal A Tribuna - TV Tribuna


Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEGISLAÇÕES