Postagem em destaque

PORTO DE SÃO FRANCISCO DO SUL REALIZA CURSO DE CAPACITAÇÃO PARA OS AGENTES DA GUARDA PORTUÁRIA

O objetivo do curso é capacitar os agentes para exercerem suas funções em toda a área portuária A Administração do Porto de São ...

segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

0

CENTRO DE MONITORAMENTO DA GUARDA PORTUÁRIA FLAGRA SUSPEITO DE FURTO


Elemento abordado na Avenida Portuária (imagens cedidas pela Guarda Portuária)



No dia 10 de janeiro, a equipe de monitoramento da Turma "A", de serviço no Centro de Controle de Comunicação e Monitoramento (CCCOM), integrada pelos guardas portuários Alexandre, Leandro, Mário e Mesquita, flagraram um elemento, junto ao pátio de triagem defronte ao armazém 29, transportando uma caixa. Diante da atitude suspeita, todos os seus movimentos começaram a ser monitorados. Foi visualizado que ele começou a manter contato com outro elemento que estava posicionado na Avenida Mário Covas, também conhecida como Avenida Portuária.

Elemento carregando caixa acompanhado por outro do lado de fora (imagens cedidas pela Guarda Portuária)

Em continuidade, o Inspetor II / Supervisor de Segurança de plantão no Centro de Controle Operações e Serviços (CCOS) acionou as viaturas mais próximas para ali comparecerem.


A primeira viatura a chegar ao local foi a Ronda do Transito (ROTRAN 01), integrada pelos guardas portuários Marlon e Paiva, que abordaram os dois suspeitos quando o elemento que se encontrava na Avenida Portuária puxou a grade para que aquele que estava na área interior por ali, se evadisse do local.

 Elemento se evadindo pela grade (imagens cedidas pela Guarda Portuária)


Em seguida compareceram em apoio as Rondas de Apoio Com Motos (ROCAM), integrada pelos guardas portuários Murilo, Nilvandro e Rafael. Na abordagem foi constatada que dentro da caixa havia certa quantidade de fios de cobre.


Posteriormente compareceu ao local a Ronda Setorial III, integrada pelo Inspetor Mauro Augusto e o guarda portuário Braz. O elemento que conduzia a caixa com fios de cobre foi identificado como sendo Isvaldo Lucimar da Costa e o elemento que lhe dava cobertura na Avenida Portuária foi identificado como sendo Marcelo de Freitas.


No momento em que Isvaldo foi convidado a entrar na viatura para ser apresentado a autoridade policial, este começou a proferir insultos, razão que, em virtude do crime de desobediência, Desacato e Resistência, teve que ser contido e algemado para ser conduzido.

Diante da Desobediência, do Desacato e da Resistência o elemento teve que ser contido e algemado (imagens cedidas pela Guarda Portuária)

Na Delegacia de Atendimento ao Turista (DEATUR), localizado na área portuária, A Dra. Delegada Juliana Buck Gianini, constatou que na caixa transportada por Isvaldo havia aproximadamente 5 Kg de cobre. Como não foi possível identificar a procedência do material apreendido, foi lavrado um Termo Circunstanciado.


 Vídeo do monitoramento cedido pela Guarda Portuária


No Distrito, após pesquisa nos arquivos policiais, foi constatado que Marcelo de Freitas já tinha várias passagens por furto, no entanto, no momento não devia nada para a justiça.








Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEGISLAÇÕES