Postagem em destaque

PF FLAGRA PORTUÁRIOS COM PACOTES DE COCAÍNA NO CORPO PARA EMBARQUE EM NAVIO

Trabalhadores do Porto de Santos tentaram levar carregamento até navio atracado no cais, que foi cercado pela Guarda Portuária. Tablete...

sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

0

GUARDA PORTUÁRIA REALIZA OPERAÇÃO ATEROMA I NO PORTO DE SANTOS




A Guarda Portuária do Porto de Santos, litoral de São Paulo, realizou de 15 a 30 de janeiro, a “Operação Ateroma I”, promovendo o recolhimento dos caminhões e tratores (cavalos), reboques e semi-reboques (carretas) e demais veículos automotores abandonados e/ou estacionados nas vias de trânsito e demais áreas, especialmente nas faixas dinâmicas destinadas ao acesso dos terminais de carga localizados no Porto Organizado de Santos.


O nome Ateroma faz alusão a compostos fibrosos, que se se acumulam progressivamente nos vasos sanguíneos, podendo chegar à obstrução total do mesmo, assim como esses veículos abandonados acabam acarretando a obstrução das vias de trânsito.


A operação tem por objetivo desobstruir as vias e os locais de regramento destinados aos caminhões que operam nos terminais do porto, facilitando o trânsito e o estacionamento de veículos, em virtude da Operação Safra implantada no porto.


A competência da Guarda Portuária para esta operação está baseada na aplicação da legislação de trânsito no âmbito do Porto Organizado, nos termos do art. 7-A da Lei nº 9.503, de 23 de setembro de 1987.


A Guarda Portuária de Santos mantém convênio com a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), de Santos e com a Prefeitura Municipal do Guarujá para fins de controle e aplicação de multas e medidas administrativas decorrentes de infrações de trânsito na área do porto.


A fim de poder operacionalizar estas atribuições a Companhia Docas do Estado de São Paulo (CODESP) locou um novo guincho, com capacidade para veículos pesados.









Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEGISLAÇÕES