Postagem em destaque

GUARDA PORTUÁRIA APREENDE COCAÍNA NO PORTO DE SANTOS

O contêiner onde a droga estava escondida tinha como destino o Porto de Algeciras, na Espanha. Dois elementos foram presos em flagrant...

quinta-feira, 2 de abril de 2015

0

GUARDA PORTUÁRIO EVITA SUICÍDIO EM PORTO VELHO - RONDÔNIA


Uma ação da Guarda Portuária impediu o suicídio de um homem na tarde desta quarta-feira (01) na cidade de Porto Velho - RO.

Um agente da Guarda Portuária junto à Sociedade de Portos e Hidrovias do Estado de Rondônia – SOPH impediu um senhor que tentava o suicídio por atropelamento na Avenida Farquar, na capital do Estado.
De acordo com o Guarda Portuário que participou da ação, o senhor já se encontrava no meio da via e estava causando tumulto no trânsito, sendo atendido inicialmente por militares da guarda do Exército em razão da proximidade da vila militar.
Após o primeiro contato e a retirada do cidadão pretenso suicida da via, foi acionado o Corpo de Bombeiros Militar, que assumiu a ocorrência instante depois.

A negociação para que a vítima desistisse de tirar a própria vida foi conduzida por dois bombeiros militares. Após conversar e acalmar o senhor, o militar conseguiu tirar com segurança o cidadão da via, fazendo com que a ocorrência terminasse de forma positiva.
O sucesso da ocorrência foi devido à técnica, coragem e experiência dos bombeiros e a tragédia foi evitada por um Guarda Portuário que passava pelo local.



*Esta publicação é de inteira responsabilidade do autor e do veículo que a divulgou. O nosso papel é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto, não cabendo a esse Portal a emissão de qualquer juízo de valor.
                                                                                
*Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEGISLAÇÕES