Postagem em destaque

DELEGADA ASSUME A PRESIDÊNCIA DA CONPORTOS

Nelbe Ferraz de Freitas, 37, foi designada pelo Ministro de Estado da Justiça e Segurança Pública Na última quarta-feira (04), Nel...

sábado, 25 de julho de 2015

9

CODESA VAI ABRIR 100 VAGAS DE GUARDA PORTUÁRIO




Até o final do próximo mês, será divulgado o edital.
Salário varia de R$ 1.300 a R$ 1.500.

Até o final do mês que vem, mais um concurso público vai atracar no Estado. Segundo informações exclusivas obtidas pela reportagem de A Tribuna, a Companhia Docas do Espírito Santo (Codesa) vai abrir 100 vagas de nível médio para a guarda portuária.
Das chances, 25 oportunidades são para contratação imediata e 75 para cadastro de reserva. Para quem ficou interessado, é melhor correr com os estudos. Segundo o coordenador de Recursos Humanos da Codesa, Fabrício Bernardes Diniz, a organizadora do concurso deverá ser a Funcab. “A Codesa está em fase de assinatura de contrato e definição do conteúdo programático”, ressaltou.
Para o professor de Raciocínio Lógico do Curso França Junior, Plínio Gaúcho, a banca Funcab é boa para o candidato que está começando a estudar agora. “Ela não exige uma preparação acentuada, possui questões bem explicadas e acessíveis. Mas, claro, é preciso estudar”, frisou.
Os contratados no concurso vão receber salários que variam entre R$ 1.300 e R$ 1.500, além de benefícios como vale-alimentação/refeição, auxílio-creche/babá, auxílio-educação, assistência médica e odontológica e seguro de vida.
Também foram incorporados aos benefícios da Codesa, recentemente, o programa de participação nos lucros e o vale-cultura, no valor de R$ 50, informou Diniz.
Foi adiantado ainda que para concorrer ao cargo, além do nível médio de escolaridade, é preciso ter, no mínimo, 18 anos completos, não possuir antecedentes criminais, ter aptidão clínica, física e psicológica. A carga horária dos aprovados será de 36 horas semanais, em regime de escala.
Segundo o coordenador de Recursos Humanos, o concurso chega com o objetivo de reduzir as horas extras dos servidores atuais, melhorar a segurança do porto e o nível de serviço, além de agilizar operações, de modo geral, na Codesa.
Mas, segundo o presidente do Sindicato da Guarda Portuária no Estado do Espírito Santo (Sindguapor), José Maria Castro, há uma defasagem muito grande no quadro de guardas portuários, e o número de vagas imediatas abertas não será suficiente para suprir a demanda atual.
“Precisamos de, pelo menos, 150 novos trabalhadores para suprir as demandas de Barra do Riacho e d o entorno do Porto de Capuaba”.
Justiça penhora guindaste
A Companhia Docas do Espírito Santo (Codesa) está com um bem penhorado pela Justiça devido à falta de concurso público e contratações de terceirizados.
Essa situação foi denunciada pelo Ministério Público do Trabalho em ação civil pública contra a Codesa. E contou com a participação do Sindicato da Guarda Portuária do Espírito Santo (Sindguapor).
A Justiça pediu um bem para a Codesa, como garantia do pagamento da dívida de mais de R$ 4 milhões por dano moral coletivo e multas. O bem disponibilizado pelo órgão para penhora foi a Cábrea Amapá, que é um tipo de guindaste flutuante.
Segundo o advogado do Sindguapor, Otto Barcellos, diante da decisão da Justiça, a Codesa tem pressa em realizar o concurso.
A Codesa está recorrendo da decisão da multa, mas confirmou o concurso para agosto.
Preparação

“Está próxima a publicação do edital da Codesa, para o cargo de guarda portuário, com a perspectiva de muitas vagas para candidatos com nível médio de formação. Possivelmente, a banca examinadora será a Funcab e, para aqueles que pretendem iniciar imediatamente a preparação, as provas objetivas deverão ser do tipo múltipla escolha, com cinco alternativas, abrangendo, pelo menos, Língua Portuguesa, Matemática, noções de Informática e noções básicas de Direito Constitucional, matérias exigidas no último concurso.
Normalmente, nas provas da Funcab, é eliminado o candidato que não obtiver, pelo menos, cinquenta por cento dos pontos da prova objetiva ou tirar nota zero em qualquer uma das disciplinas.

Assim, o candidato deverá ter domínio de todas as matérias exigidas, sendo conveniente iniciar de imediato a preparação em relação às matérias que, com certeza, serão exigidas. “É aconselhável, de imediato, resolver questões de provas anteriores”.


* Inscrições abertas em 10/12/2015 - Clique aqui e veja.

*Esta publicação é de inteira responsabilidade do autor e do veículo que a divulgou. A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto, não cabendo a esse Portal a emissão de qualquer juízo de valor.
                                                                                                                                                                                          
* Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.

* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.




9 comentários:

  1. REPAREM NO SALÁRIO DO EDITAL. EU COM 7 ANOS DE GUARDA MEU SALÁRIO BASE É DE 1.500 .
    TEM GUARDA COM 30 ANOS DE CODESA COM SALÁRIO BASE DE 1.700. AI VEM OS OUTROS PRO-
    BLEMAS DE UMA GUARDA FALIDA QUE NÃO VALE MAIS A PENA RELATAR TODOS SABEM .
    E A CHEFIA A MAIORIA QUE PASSOU NO CONCURSO CONOSCO NÃO FAZ NADA PARA MELHORAR
    MAS QUEREM COBRAR , COBRAR E COBRAR, SE TORNARAM COM EXCESSÕES MUTANTES AO
    CHEGAREM AOS CARGOS DE CHEFIA . TUDO O QUE FALAVAM AGORA FAZEM AO CONTRÁRIO.

    GP ALEXANDRE - ES

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A CODESA tinha que priorizar a guarda portuaria.
      Aconteceu um fato há 2 meses atras que um GP estava fazendo ronda de moto na retroarea e no silo em capuaba e fomos abordados no silo e eu e meu colega de trabalho estavamos indo pros galpões a serviço da PLANET SEA, e nos identificamos como funcionario da LAND SEA. Agora eu pergunto :
      Cadê a arma do GP?
      Se eu e meu colega fossemos bandidos e tivessemos armados ? E como o GP ia se defender por esta desarmado e sozinho na ronda ? Cadê o porte de arma do GP ?
      O GP tinha que os salarios e mais o beneficios igual ou superior a PRF ou a POLICIA FEDERAL, por o GP fazer a segurança na area alfandegada e de fronteira, e não precisaria da POLICIA FEDERAL na area portuaria.

      Excluir
  2. Que isso??? Um vigilante está ganhando muito mais que isso!!! Que vergonha!!!

    ResponderExcluir
  3. o que faço para fazer uma nova incriçao, pois errei um campo

    ResponderExcluir
  4. alguém sabe dizer qual o salario com a soma dos benefícios

    ResponderExcluir
  5. Alguém pode informar como funciona a escala de trabalho ?

    ResponderExcluir
  6. É UM ABSURDO MERECEM GANHAR MAIS.A CULPA É DOS NOSSO GOVERNANTES QUE NÃO SE PREOCUPAM COM OS PROFISSIONAIS DE SEGURANÇA DE NOSSO PAÍS.ESTOU ME REFERINDO AOS PROFISSIONAIS QUE MERECEM GANHAR BEM ,POIS COLOCAM SUAS VIDAS EM RISCO TODOS OS DIAS, SÃO ELES: AS POLICIAS CIVIL,MILITAR,FEDERAL,FORÇAS ARMADAS,GUARDA PORTUÁRIA,GUARDA CIVIL METROPOLITANA,VIGILANTES PATRIMONIAIS,AGENTES PENITENCIÁRIOS ETC...(PRECISAMOS DE UM POLITICO INTELIGENTE QUE NOS REPRESENTE EM BRASILIA,POIS UNIDOS SOMOS FORTES E NOSSO VOTO PODE FAZER UMA GRANDE DIFERENÇA),ABÇS---VT ROCHA

    ResponderExcluir

LEGISLAÇÕES