Postagem em destaque

MUDANÇAS NA GUARDA PORTUÁRIA DE SANTOS

Todas as ordens de serviço que foram emitidas pelo anterior superintendente da GPort serão revistas e reeditadas pela diretoria gestor...

terça-feira, 19 de abril de 2016

0

CARGOS DE GERÊNCIA NA CODERN PASSAM A SER OCUPADOS SOMENTE POR FUNCIONÁRIOS EFETIVOS


Presidente interino da Companhia Docas do Rio Grande do Norte, Hanna Yousef Emile Safieh

“Nós temos um excelente quadro na nossa Companhia. Reconhecemos e valorizamos a prata da Casa”, disse o presidente.
Em meio a uma readequação e valorização no quadro de servidores efetivos, que teve o Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) aprovado e sancionado na semana passada, a Diretoria-Executiva da Companhia Docas do Rio Grande do Norte (CODERN) debateu e decidiu mais uma medida que visa estimular o servidor da própria empresa.
Em Reunião Extraordinária da DIREXE, na última quinta-feira (14), foi debatido e decidido que todos os cargos de Gerência da Companhia devem ser ocupados por funcionários efetivos, para que se possa garantir a continuidade dos trabalhos e que estes não sejam impactados por eventuais alterações no quadro de diretores.
O Presidente Interino da CODERN, Hanna Yousef Emile Safieh, enaltece que a medida visa reconhecer os técnicos da Companhia: “Nós temos um excelente quadro de profissionais técnicos e capacitados, que conhecem a realidade da nossa Companhia e sabem os passos que precisam ser dados para continuarmos avançando e crescendo. Portanto, reconhecemos e valorizamos a prata da Casa”.
A medida já vinha sendo estudada e discutida desde a gestão de Emerson Fernandes Daniel Júnior, e foi implementada juntamente com o PCCS, satisfazendo a classe trabalhadora.
Plano de Cargos e Salários
Na sexta-feira (15), o Diretor-Presidente interino da Companhia Docas do Rio Grande do Norte (CODERN), Hanna Yousef Emile Safieh, assinou uma portaria implantando o Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) dos servidores, após aprovação pelos órgãos superiores e liberação da Secretaria de Portos da Presidência da República.
A Gerência Administrativa da CODERN já foi determinada a adotar as providências necessárias, resguardando um prazo de 60 dias aos servidores para a adesão, bem como o direito dos que desejarem permanecer no Plano em extinção.
O PCCS foi aprovado pelo Departamento de Coordenação e Governança das Empresas Estatais (DEST) no último dia 05. Após chegar à CODERN, foi formada uma comissão de acompanhamento para a implantação do PCCS, contando com a participação do Sindicato dos Trabalhadores Portuários. A Diretoria detectou a necessidade de pequenos ajustes no que foi aprovado para os trabalhadores de cargos de nível fundamental e dos guardas portuários, que contou com a concordância dos representantes da classe trabalhadora, e já teve solicitações encaminhadas ao órgão responsável.
A luta pela implantação do PCCS foi iniciada na primeira gestão (2007-2012) do ex-diretor-presidente, Emerson Fernandes Daniel Júnior. Teve sua aprovação pelo Conselho Administrativo (CONSAD) somente em setembro 2014, já na segunda gestão de Emerson, servidor de carreira da empresa, que se dedicou com afinco para a importante conquista.
O presidente do Sindicato dos Trabalhadores Portuários, Silvano Barbosa, comemora a implantação do PCCS: “É uma conquista importante que dividimos com todos os trabalhadores portuários”.


A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto, não cabendo a esse Portal a emissão de qualquer juízo de valor.
                                                                                                                                                                                                                                               
* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.
                                                                                                                                                                                 
COMENTÁRIOS

Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEGISLAÇÕES