Postagem em destaque

MUDANÇAS NA GUARDA PORTUÁRIA DE SANTOS

Todas as ordens de serviço que foram emitidas pelo anterior superintendente da GPort serão revistas e reeditadas pela diretoria gestor...

quarta-feira, 27 de julho de 2016

0

CODESP DEFINE EM 15 DIAS DETALHES DE CONCURSO PÚBLICO




Ao menos 29 vagas serão abertas para contratação imediata em diversas áreas da estatal que administra o Porto

A Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp) pretende realizar ainda neste ano o concurso público para preenchimento imediato de 29 vagas no quadro de funcionários da estatal, além de cadastro de reserva. Os cargos a serem preenchidos ainda estão sob a análise da empresa, mas já há uma lista preliminar. Todas as informações serão definidas em cerca de 15 dias.
O novo concurso foi aprovado na segunda-feira (25), durante a reunião do Conselho de Administração (Consad) da Docas. Na ocasião, foi apresentada uma relação prévia com os setores que devam receber os novos contratados. Entre eles estão as áreas administrativa, contábil, jurídica, além de saúde do trabalhador, engenharia, comunicação e segurança.
De acordo com a Codesp, essa lista ainda sofrerá alterações e não está descartada uma mudança no número de vagas. O que se sabe até o momento é haverá oportunidades para candidatos com ensino superior, que se enquadram na modalidade Especialista Portuário (EP) e também para aqueles que possuem formações técnicas.
Pelo menos seis administradores de empresas devem ser contratados pela Docas, assim como três advogados, um contador, um psicólogo e um médico do trabalho. A Autoridade Portuária também pretende incorporar ao seu quadro funcional um engenheiro elétrico, um analista de sistemas, um arquiteto, um jornalista, um economista e um assistente social, além de um engenheiro de segurança do trabalho.
Relações públicas, controlador de tráfego marítimo e enfermeiro do trabalho também serão contratados, um em cada função. Todos deverão comprovar a conclusão de curso superior.
Já entre os cargos que exigirão apenas Ensino Médio, estão cinco vagas de Técnico Portuário, uma de técnico em segurança do trabalho e outra oportunidade para eletricista. A Tribuna apurou que, entre as demandas apresentadas pelos setores, está a necessidade de novos guardas portuários. A categoria não está contemplada na lista aprovada no Consad de segunda-feira. Por isso, o material ainda será submetido a um estudo interno para determinar quais serão as vagas abertas, assim como os salários oferecidos.
Todavia, hoje a Docas pode contratar somente 30 novos funcionários - acima desse número, automaticamente o candidato aprovado entra em cadastro de reserva. Este limite ocorre por determinação da Portaria Nº 17, de 22 de dezembro do ano passado, do Departamento de Coordenação e Governança das Empresas Estatais (Dest).
Pelo regulamento do órgão, vinculado ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, a estrutura da Codesp é suficiente para, ao todo, 1.588 funcionários. Neste total, são contabilizados, inclusive, colaboradores que foram eventualmente emprestados para outras estatais.
Prazos
Os 29 primeiros aprovados no próximo concurso público da Codesp deverão ser chamados de imediato. Os que foram classificados para reserva poderão ser contratados em um período de até quatro anos (o resultado é válido por dois anos inicialmente, prorrogável por mais dois), assim que forem abertos novos postos de trabalho, seja por desligamento ou aposentadoria.

Apesar de acreditar na realização do concurso neste semestre, a Codesp não tem data para isso acontecer. A realização do processo seletivo foi uma promessa do diretor-presidente da companhia, José Alex Oliva. Em janeiro, ele explicou que tinha o objetivo de implantar um novo estilo de gestão, marcado pela cobrança de resultados nos mais diversos da empresa.



* Esta publicação é de inteira responsabilidade do autor e do veículo que a divulgou. A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto, não cabendo a esse Portal a emissão de qualquer juízo de valor.
                                                                                                                                                                                          
* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.
                                                                                                                                                
COMENTÁRIOS


Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEGISLAÇÕES