Postagem em destaque

MUDANÇAS NA GUARDA PORTUÁRIA DE SANTOS

Todas as ordens de serviço que foram emitidas pelo anterior superintendente da GPort serão revistas e reeditadas pela diretoria gestor...

terça-feira, 22 de novembro de 2016

3

ATROPELOU, FUGIU, A GUARDA PORTUÁRIA DETEVE




O condutor do veículo não possuía Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e a documentação do veículo se encontrava com o licenciamento vencido

No último domingo (20), os guardas portuários João Henrique e Ramos, integrantes das Rondas Ostensivas Táticas Portuárias (ROTAP) foram designados para acompanhar a visitação pública ao Navio Cisne Branco, da Marinha do Brasil, atracado no Cais Comercial de Vitória, capital do Estado do Espírito Santo, que atraiu centenas de pessoas ao local.
Ao término dessa missão, quando retornavam para o Cais de Capuaba, em Vila Velha, pela Estrada Jerônimo Monteiro, se depararam com um acidente de trânsito, nas proximidades do Bairro Paul, onde, após o condutor do veículo Fiat Palio Weekend, de cor branca, de placa GOL 0249, de Vila Velha-ES, atropelar uma pessoa, esse se evadiu do local.


Veleiro Cisne Branco no Cais Comercial de Vitória
Após se certificarem que a vítima estava sendo socorrida, os guardas portuários acompanharam o veículo, logrando êxito em alcança-lo na subida do Atalaia, próximo ao Colégio Graciano Neves. Na abordagem foi constatado que o condutor do veículo, José Aílton Bermonte, não possuía Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e a documentação do veículo se encontrava com o licenciamento vencido.
Posteriormente, o supervisor Manoel Leão e o Rondante Ottoni se juntou a equipe e o fato foi comunicado ao Centro Integrado Operacional de Defesa Social (CIODES), que atende as chamadas de emergência através do número 190, o qual enviou em seguida uma viatura da polícia Militar para o local, encaminhando as partes para a Delegacia de Polícia Judiciária, em Cobilandia, onde o indivíduo foi apresentado a Autoridade Policial de Plantão, delegado Aldari dos Santos Pimentel, que elaborou o Boletim Unificado (BU) nº 30756602, sendo autuado por lesão corporal (art. 129) e omissão de socorro (art. 135). Apresentando aparentes sinais de embriaguez, ele se recusou a realizar o teste do bafômetro.
A vítima, Renata Pagoto Chieza, apresentando escoriações, foi socorrida por parentes ao Hospital Vila Velha.

A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto, não cabendo a esse Portal a emissão de qualquer juízo de valor.
                                                                                                                                                                                          
* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.
                                                                                                                                                
COMENTÁRIOS


Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.

3 comentários:

  1. Parabéns aos nossos valorosos guardas portuários. O Brasil precisa de vocês!

    ResponderExcluir
  2. A Guarda Portuária do Espírito Santo tem a honra de contar com esses nobres heróis como membros de nosso quadro de pessoal... Parabéns irmãos!!!

    ResponderExcluir
  3. PARABÉNS!!
    GP ALEXANDRE

    ResponderExcluir

LEGISLAÇÕES