Postagem em destaque

PF FLAGRA PORTUÁRIOS COM PACOTES DE COCAÍNA NO CORPO PARA EMBARQUE EM NAVIO

Trabalhadores do Porto de Santos tentaram levar carregamento até navio atracado no cais, que foi cercado pela Guarda Portuária. Tablete...

terça-feira, 9 de outubro de 2018

0

CONPORTOS CRIA GRUPO DE TRABALHO PARA REVER RESOLUÇÕES



Segundo Marcelo João da Silva, Presidente da CONPORTOS, existe a necessidade de revisão e adequação das Resoluções ao atual contexto da segurança pública portuária

A COMISSÃO NACIONAL DE SEGURANÇA PÚBLICA NOS PORTOS, TERMINAIS E VIAS NAVEGÁVEIS – CONPORTOS, constituiu um Grupo de Trabalho (GT)  para revisar e consolidar as Resoluções publicadas pela CONPORTOS.  A Portaria nº3, de 4 de outubro de 2018, foi publicado no Diário Oficial da União de ontem (08).
Segundo Marcelo João da Silva, Delegado de Polícia Federal, Presidente da CONPORTOS, existe a necessidade de revisão e adequação das Resoluções ao atual contexto da segurança pública portuária.
O Grupo de Trabalho – GT será constituído por:
I - Marcelo João da Silva, Delegado de Polícia Federal, lotado na Diretoria Executiva da Polícia Federal, Presidente da CONPORTOS;
II - Jonathan Luiz Wöhlke, Perito Criminal Federal, lotado na Diretoria Executiva da Polícia Federal, Secretário-Executivo da CONPORTOS;
III - Ubiratan de Faria Mello, Capitão de Mar e Guerra da Marinha do Brasil (RM1), lotado no Estado Maior da Armada, membro titular da CONPORTOS;
IV - Telmo Paiva Oliveira, Capitão de Corveta da Marinha do Brasil, membro suplente da CONPORTOS;
V - Neirimar Gomes de Brito, Especialista em Regulação de Serviços de Transportes Aquaviários da ANTAQ, membro titular da CONPORTOS;
VI - Rafaela Dias Pires, Coordenadora Geral de Segurança e Saúde em Portos no Ministério dos Transportes, membro titular da CONPORTOS;
VII - Hawlley Jorge Carvalho Oliveira, Analista de Infraestrutura do Ministério dos Transportes, membro suplente da CONPORTOS;
VIII - Antônio Braga Sobrinho, Auditor Fiscal da Receita Federal do Brasil, membro titular da CONPORTOS;
IX - Éric Sogócio, da Divisão de Combate a Ilícitos Transnacionais no Ministério das Relações Exteriores, membro titular da CONPORTOS;
X - Rodrigo Bertoglio Cardoso, da Divisão de Combate a Ilícitos Transnacionais no Ministério das Relações Exteriores, embro suplente da CONPORTOS;
XI - Janaina Agostini Braido, Delegada de Polícia Federal, lotada na Delegacia de Rio Grande/RS, membro titular da CESPORTOS/RS;
XII - Ronaldo Vieira Bento, Agente de Polícia Federal, lotado na Superintendência da Polícia Federal em Sergipe, membro titular da CESPORTOS/SE;
XIII - Rogério da Silva Lages, Agente de Polícia Federal, lotado na Superintendência da Polícia Federal no Espírito Santo, membro titular da CESPORTOS/ES;
XIV - Thales Teixeira Junior, Delegado de Polícia Federal, lotado na Superintendência da Polícia Federal em Santa Catarina, membro titular da CESPORTOS/SC;
XV - Paulo Roberto Lobato da Silva, Agente de Polícia Federal, lotado na Superintendência da Polícia Federal no Pará, membro titular da CESPORTOS/PA;
XVI - Alexandre Arantes de Menezes, Escrivão de Polícia Federal, lotado na Superintendência da Polícia Federal no Rio de Janeiro, membro titular da CESPORTOS/RJ;
XVII - Gilberto Antônio de Castro Júnior, Delegado de Polícia Federal, lotado na Delegacia de Polícia Federal em Santos/SP, membro titular da CESPORTOS/SP;
O Grupo de Trabalho se reunirá mediante convocação de seu presidente e deverá ser concluído em 120 (cento e vinte) dias.


A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto. A matéria veiculada apresenta cunho jornalístico e informativo, inexistindo qualquer crítica política ou juízo de valor.                                                                                           
* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.                                                                                                                          

                   COMENTÁRIOS                             
Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEGISLAÇÕES