Postagem em destaque

GUARDA PORTUÁRIA PARTICIPA DO DESFILE DA INDEPENDÊNCIA

A Guarda Portuária voltou a participar após 35 anos de ausência. A última participação ocorreu em 1982 Ontem (07) a Guarda Portuár...

terça-feira, 7 de janeiro de 2014

0

MINISTÉRIO DA JUSTIÇA LANÇA APLICATIVO PARA CONSULTA DE PLACAS DE VEÍCULOS







Foi lançado no dia 11 de dezembro, dois portais e um aplicativo móvel do Sistema Nacional de Informação de Segurança Pública, Prisional e sobre Drogas (Sinesp), todos os produtos desenvolvidos pelo Serpro para a Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), do Ministério da Justiça. O evento oficial contou com a presença do ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, e do diretor-presidente do Serpro, Marcos Mazoni.


O portal Sinesp “Público” é voltado a toda a sociedade e traz dados estatísticos sobre a criminalidade no Brasil. A versão “Logado” do portal é destinada aos profissionais de segurança pública e contém informações integradas para consultas operacionais, investigativas e estratégicas sobre drogas, justiça criminal, sistema prisional etc. Já o aplicativo móvel Sinesp Cidadão é um módulo do projeto que tem como objetivo, em sua primeira versão, viabilizar a consulta dos dados de veículos registrados na base do cadastro do Denatran (Departamento Nacional de Trânsito).


Todas essas soluções, torna possível para qualquer cidadão brasileiro, verificar se há registros de clonagem, furto ou roubo dos veículos consultados. Diversos veículos em todo o país já estão sendo recuperados pelo aplicativo. 


Avanços do Sinesp Cidadão


O SINESP Cidadão é um módulo do Sistema Nacional de Informações de Segurança Pública que permite ao cidadão brasileiro acesso direto a serviços da Secretaria Nacional de Segurança Pública do Ministério da Justiça.


Ele disponibiliza, em sua primeira versão, a funcionalidade de consultar informações de veículos registrados na base nacional do cadastro do DENATRAN (Departamento Nacional de Trânsito). A partir desta consulta, é possível que qualquer cidadão brasileiro possa verificar se há registros de furto ou roubo dos veículos consultados e ainda se o mesmo é um veículo clonado.


Até o momento, milhares de downloads do aplicativo já foram realizados. A solução está disponível desde o dia 5 de dezembro na Play Store, loja da Google. 


Após a instalação, o usuário deve digitar a placa para saber a situação atual do veículo. Nos casos de registro de furto ou roubo, é possível ver a informação destacada em vermelho. No caso de clonagem da placa, pode-se observar se as informações referentes à marca, ao modelo e à cor conferem com o veículo pesquisado.


Vale destacar, que nenhum cidadão deve fazer abordagem ou se aproximar de veículos cadastrados no sistema com registro positivo de furto, roubo ou clonagem de placa, devendo acionar a Polícia pelo telefone 190 para que uma equipe seja direcionada ao local, onde será feita a checagem das informações.


A iniciativa do Governo Federal através do SINESP Cidadão tem como objetivo possibilitar a consulta de dados de veículos cadastrados na base nacional do DENATRAN, ampliando a proteção da sociedade brasileira, com a participação de todos os cidadãos.


Desenvolvimento do projeto


O analista de sistema e líder do projeto de desenvolvimento no Serpro, André Luiz Silva, conta como foi a produção do aplicativo, que utilizou um processo de gestão ágil de gerenciamento. “O cliente teve aproximação com a equipe de desenvolvimento e se tornou praticamente um membro, com isso conseguimos entregar o produto com rapidez e da melhor forma possível”, relata. "Atualmente o foco do aplicativo é a consulta da situação de um veículo, mas, em breve, vamos colocar uma nova funcionalidade: a consulta do mandado de prisão. Com ela, será possível consultar os dados de uma pessoa para saber se há um mandado de prisão aberto em seu nome”, declara.


Na visão de Carlos Magno Arantes, analista da Coordenação Geral de Negócio do Ministério da Justiça no Serpro, a relação do aplicativo com o cidadão é importante para o aperfeiçoamento do Sinesp. “Através dos comentários publicados na Play Store, recebemos vários elogios e ideias que serão analisadas pelo Serpro e pelo Ministério da Justiça, com intuito de evoluir o aplicativo”, prevê Carlos.


Em breve, o aplicativo terá novas funcionalidades.

Portal Sinesp-Cidadão 












Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEGISLAÇÕES