Postagem em destaque

LADRÃO DETIDO É ENCAMINHADO PELA GUARDA PORTUÁRIA AO DISTRITO

O filho da vítima, também caminhoneiro, com a ajuda de outros colegas, conseguiu deter o suspeito antes da chegada da Guarda Portuária...

quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

0

PM E Guarda Portuária monitoram manifestação de caminhoneiros


PM e Guarda Portuária monitoraram o protesto na Rua do Adubo (Foto:Reprodução TV Tribuna)

Caminhoneiros bloquearam um dos acessos ao Porto de Santos, no litoral de São Paulo, no lado de Guarujá, na manhã da última terça-feira (9). Os motoristas sem licença alegam que têm direito a descarregar mercadorias no Porto, já aqueles que não possuem o documento, discordam.
Por conta do impasse, um grupo de caminhoneiros que tentava passar pelo local e parte dos manifestantes que bloqueavam a via iniciaram uma confusão, que logo foi encerrada. A reclamação era pelo pagamento de uma taxa cobrada para fazer o serviço de carga e descarga de material no Porto.
Policiais e guardas tiveram que intervir para conter os ânimos (Foto:Reprodução TV Tribuna)
De acordo com o presidente do Sindicato das Transportadoras de Contêineres, José Newton de Oliveira, a situação está complicada entre os trabalhadores. "Cerca de 800 profissionais de Guarujá estão respeitando as ordens, e 250, que participavam do quadro associativo, venderam as suas vagas. Essa situação está gerando todo esse conflito", explica.



Fonte: G1 



Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEGISLAÇÕES