Noticias e artigos em tudo que envolve a segurança nos portos do Brasil

Postagem em destaque

AUTORIDADE PORTUÁRIA DE SANTOS PUBLICA EDITAL DE CONCURSO PARA A GUARDA PORTUÁRIA

As inscrições serão aceitas durante os dias 1º de abril a 06 de maio. A data prevista para a prova é 23 de junho A Autoridade Portuária de...

LEGISLAÇÕES

terça-feira, 14 de novembro de 2023

0

RECEITA FEDERAL APREENDE 37,5 KG DE COCAÍNA NO PORTO DE PARANAGUÁ

 

A droga estava no motor refrigerado de um contêiner carregado com frango com destino aos Emirados Árabes Unidos, com transbordo na Bélgica

Na manhã da última quarta-feira (8), a Receita Federal do Brasil (RFB) apreendeu 37,5 kg de cocaína, no Terminal de Contêineres de Paranaguá (TCP), localizado no Porto de Paranaguá, no litoral paranaense.

A droga estava alojada no motor refrigerado de um contêiner carregado com frango que tinha como país de destino os Emirados Árabes Unidos, com transbordo na Bélgica.

A droga foi detectada durante verificação de rotina, e teria sido colocada sem o conhecimento do transportador.

O entorpecente foi encaminhado para a sede da Polícia Federal (PF), que prosseguirá com as investigações para identificar os envolvidos.

Com esta apreensão já são 1.797,5 kg de cocaína apreendidos por servidores do órgão, em 20 apreensões realizadas neste ano no porto paranaense.


A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Segurança Portuária em todo o seu contexto. A matéria veiculada apresenta cunho jornalístico e informativo, inexistindo qualquer crítica política ou juízo de valor.      

* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e adicionado o link do artigo. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos. Caso não tenha conta no Google, entre como anônimo mas se identique no final do seu comentário e insira o seu e-mail.