Noticias e artigos em tudo que envolve a segurança nos portos do Brasil

Postagem em destaque

AUTORIDADE PORTUÁRIA DE SANTOS PUBLICA EDITAL DE CONCURSO PARA A GUARDA PORTUÁRIA

As inscrições serão aceitas durante os dias 1º de abril a 06 de maio. A data prevista para a prova é 23 de junho A Autoridade Portuária de...

LEGISLAÇÕES

sexta-feira, 22 de dezembro de 2023

0

GUARDA PORTUÁRIA PARTICIPA DE AÇÃO INTEGRADA CONTRA FACÇÃO CRIMINOSA NO AMAPÁ

 

Nesta ação, além das equipes da Ficco, houve a participação da GPort, do 4° BPM e da 2ª Delegacia de Polícia de Santana)

A Guarda Portuária (GPort), participou no dia 15 de dezembro da Força Integrada de Combate ao Crime Organizado no Amapá (FICCO/AP), em parceria com o GAECO/AP, que deflagrou a operação Detour, na região do rio Matapi, no município de Santana, contra facção criminosa no estado do Amapá.

Foram cumpridos dez mandados de busca e apreensão em Santana, contra pessoas suspeitas de pertencer a um grupo criminoso especializado em furto de combustíveis. Há, também, a suspeita de que alguns dos investigados possam pertencer a uma facção criminosa com forte atuação no estado.

Prisões e apreensões

Dois homens foram presos em flagrante durante a operação por posse ilegal de arma de fogo. Durante as abordagens, também foram apreendidas, duas armas de fogo, cinco embarcações, um motor e mais de mil litros de combustível.

Investigação

Esta ação foi um desdobramento de ações de fiscalização fluvial da Polícia Federal (PF) na região entre Santana e Macapá. Durante essas ações, os policiais foram alertados de furtos de carga em embarcações que transportavam combustíveis partindo de Manaus/AM ou Belém/PA, até o destino final, em Santana.

“Após investigações, foi possível identificar que o combustível roubado era revendido para postos de gasolina da região e armazenados de maneira inadequada em depósitos clandestinos. Outro objetivo dos investigados seria, em tese, o de auxiliar um grupo criminoso a cometer outros delitos, como tráfico de drogas e diversos outros roubos na região, abastecendo embarcações utilizadas por criminosos”, informou Bruno Belo, delegado da Polícia Federal.

“A Polícia Civil auxiliou e participou na execução da operação tanto na parte de levantamento de informações em campo, identificação de alvos, localização de investigados, quanto na execução da ação. Faremos uma análise de todo o material apreendido que vai trazer mais elementos para investigação, que já está em andamento. Foi uma operação diferente porque exigiu uma estrutura de transporte fluvial, pois os alvos moravam na região ribeirinha”, explicou o delegado Fábio Araújo, adjunto da 2ª DP de Santana.

Caso sejam confirmadas as suspeitas, os investigados podem responder pelos crimes de furto qualificado, roubo e crime de integrar grupo criminoso. Se condenados, as penas podem chegar a 18 anos de reclusão, mais pagamento de multa.

FICCO

A Força Integrada de Combate ao Crime Organizado (Ficco) do Amapá é coordenada pela Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp) e conta com trabalho de cooperação de ações, investigação e inteligência da Polícia Militar (PM), Polícia Civil (PC), Polícia Científica, Polícia Penal do Instituto de Administração Penitenciária (Iapen), Polícia Federal (PF) e Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Nesta ação, além das equipes da Ficco, houve a participação da Guarda Portuária (GPort), da Polícia Militar (4° BPM) e da Polícia Civil (2ª Delegacia de Polícia de Santana).


A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Segurança Portuária em todo o seu contexto. A matéria veiculada apresenta cunho jornalístico e informativo, inexistindo qualquer crítica política ou juízo de valor.   

* Texto: O texto deste artigo relata acontecimentos, baseado em fatos obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis e dados observados ou verificados diretamente junto a colaboradores.

* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e adicionado o link do artigo. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos. Caso não tenha conta no Google, entre como anônimo mas se identique no final do seu comentário e insira o seu e-mail.