Postagem em destaque

GUARDAS PORTUÁRIOS ENTRAM EM GREVE NO PARÁ

     Porto de Santarém  Manifestação reivindica avanços no Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) Na data de ontem, quarta-feira (13), os guard...

LEGISLAÇÕES

quarta-feira, 30 de junho de 2021

0

RECEITA FEDERAL APREENDE MAIS DE 1,27 TONELADAS DE COCAÍNA NO PORTO DE SANTOS

 


A droga foi ocultada numa carga de gordura vegetal, acondicionada em um isotank, que tinha como destino Portugal

Na última quarta feira (23) a Receita Federal do Brasil (RFB) apreendeu 1.273,50 kg de cocaína no Porto de santos, litoral de São Paulo.

A droga foi cuidadosamente ocultada em uma carga de 23 toneladas de gordura vegetal, acondicionada em um isotank, espécie de contêiner utilizado para transportar granéis líquidos, que tinha como destino Portugal.

A seleção do contêiner foi determinada após um trabalho exaustivo das equipes da RFB, através da análise de dados e de imagens.

Devido às características do produto, que em temperatura ambiente se solidifica, a retirada dos tabletes de cocaína tornou-se um desafio.

A carga precisou ser aquecida até transformar-se em um líquido viscoso, mas que em pouco tempo voltava a solidificar-se. Como forma de contornar o problema, assim que aquecida, a carga foi drenada para outro isotank, com posterior resfriamento do contêiner contaminado.

Na operação para a extração da cocaína, que demorou cerca de 48h, foi necessário a utilização de trajes apropriados para evitar o contato com a pele, proteção dos olhos e vias respiratórias foram utilizados. Durante o período da manhã do dia 25, foram retirados mais de 400 kg da droga e o restante no período da tarde.

A retirada total dos tabletes de cocaína só foi concluída no final da tarde de sexta-feira (25), resultando em uma das operações mais complexas já executadas pelos agentes da RFB em Santos.

A PF, que foi informada dos fatos e compareceu ao local para acompanhar os trabalhos, prosseguirá com as investigações, e a RFB fornecerá todas as informações disponíveis sobre esse carregamento de exportação, resultando em um novo inquérito policial ou trazendo novos elementos para os que estão em curso.

Apreensões com métodos diferenciados

A Receita Federal, no Porto de Santos, já se realizou apreensões com maior dificuldade para o acesso às drogas. Podemos citar:

75 kg em lingotes de chumbo (27/12/2013);

1.195 kg em um rolo compressor (17/9/2018);

506 kg em mármores e granitos (13/6/2019);

1.162 kg em sucata metálica (22/11/2019);

373 kg em geradores (21/5/2020);

2.932 kg ocultos em bobinas de alumínio (22/12/2020).





A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Segurança Portuária em todo o seu contexto. A matéria veiculada apresenta cunho jornalístico e informativo, inexistindo qualquer crítica política ou juízo de valor.    

* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos. Caso não tenha conta no Google, entre como anônimo mas se identique no final do seu comentário.