Postagem em destaque

CONPORTOS ANUNCIA A DATA DA 17ª EDIÇÃO DO CURSO ESPECIAL DE SUPERVISOR DE SEGURANÇA PÚBLICA PORTUÁRIA – CESSP

O período de inscrição será de 17 de julho a 21 de agosto de 2017 Na última quarta-feira (12) a Comissão Nacional de Segurança Públi...

terça-feira, 26 de maio de 2015

0

PORTO DE SANTOS FICA SEM ENERGIA APÓS FURTO DE FIOS DE COBRE EM USINA


O porto parou por algumas horas (Foto: Reprodução TV Tribuna)

800 metros de fios de cobre foram furtados da usina hidrelétrica de Itatinga.
Energia foi restabelecida às 15h30. Porto atua com 100% de sua capacidade.

O Porto de Santos, no litoral de São Paulo, ficou sem energia durante parte desta segunda-feira (25). A falta de eletricidade ocorreu porque cabos de transmissão foram furtados por criminosos durante a madrugada. De acordo com a Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp), 800 metros de fios de cobre foram furtados da usina hidrelétrica Itatinga, o que causou o problema.
Logo após o problema ter sido constatado a Companhia Piratininga de Força e Luz (CPFL) passou a fornecer energia. A eletricidade transmitida pela empresa, entretanto, não foi suficiente para dar conta da demanda e muitas empresas tiveram os serviços comprometidos devido à sobrecarga.
A paralisação acabou provocando atrasos no desembarque de mercadorias e causou transtornos para caminhoneiros que tinham o maior porto da América Latina como destino. “Todos esses caminhões carregados e parados. Prejuízo para eles, para o vendedor, par o cliente que fica com o produto e para nós principalmente. Ficar parado em fila é muito ruim”, afirma o caminhoneiro Pedro Bortolotti.


Leia também:

De acordo com um dos caminhoneiros esta não é a primeira vez que o Porto apresenta problemas de falta de energia por causa de um furto de fios de cobre. “Semana passada nós viemos descarregar e foi a mesma situação e foi conta de roubo de fios. Tem que tomar providências necessárias. A administração tem que ver com a polícia o que tem que fazer. Tem que melhorar a segurança”, afirma Edvan Fernandes.
Os furtos começaram em 2014 e neste ano foram registrados três roubos. A Guarda Portuária está intensificando o trabalho por onde as linhas de transmissão passam. Além disso, as polícias de Bertioga, Guarujá e Santos, onde passam as linhas de transmissão já foram notificadas para iniciar uma investigação. Reparos foram feitos durante toda a manhã e a energia foi restabelecida às 15h30 quando o Porto voltou a trabalhar com 100% de sua capacidade.

Fonte: G1 Santos / TV Tribuna .

 *Esta publicação é de inteira responsabilidade do autor e do veículo que a divulgou. A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto, não cabendo a esse Portal a emissão de qualquer juízo de valor.
                                                                                
* Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.

* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEGISLAÇÕES