Postagem em destaque

ENTIDADES REPRESENTATIVAS DA GUARDA PORTUÁRIA REPUDIAM FALA DE MINISTRO

O ministro disse que no Porto de Santos, alguns guardas portuários ganham 50 mil reais por mês. No início do mês passado, em palestra...

LEGISLAÇÕES

sexta-feira, 7 de fevereiro de 2020

0

RECEITA FEDERAL APREENDE 562 QUILOS DE COCAÍNA NO PORTO DE ITAPOÁ



A droga estava oculta em carga de óleo destinada à Portugal.
No dia 28 de janeiro, a Receita Federal apreendeu 562 quilos de cocaína no Porto de Itapoá, em Santa Catarina. A droga teria como destino Portugal.

A cocaína foi encontrada dentro de três contêineres-tanques (ISOTANKS) com carga de óleo (ácido graxo usado como biodiesel), em operação de rotina, que contou com a utilização dos equipamentos de raio-x, cães de faro e outras técnicas de análise de risco.

Para realizar a retirada da droga foi necessário primeiro fazer o transbordo do óleo para caminhões-tanque. A operação iniciou na manhã de terça-feira (28), com a identificação da droga nos contêineres, e finalizou somente na madrugada de quarta-feira (29), por volta das 3h30, devido à dificuldade de lidar com a carga em que estava inserida essa droga.

Essa é a segunda apreensão de cocaína realizada no Porto de Itapoá em 2020. A primeira aconteceu em 20 de janeiro, quando foram apreendidos 600,5 quilos da droga.

A droga foi encaminhada à Polícia Federal, a quem compete a instauração de inquérito para apuração dos responsáveis pelo delito, sendo os trabalhos agora direcionados para qualificação dos responsáveis pelo carregamento ilícito


A nossa missão é manter informado àqueles que nos acompanham, de todos os fatos, que de alguma forma, estejam relacionados com a Guarda Portuária e a Segurança Portuária em todo o seu contexto. A matéria veiculada apresenta cunho jornalístico e informativo, inexistindo qualquer crítica política ou juízo de valor.      
                                                                                       
* Direitos Autorais: Os artigos e notícias, originais deste Portal, tem a reprodução autorizada pelo autor, desde que, seja mencionada a fonte e um link seja posto para o mesmo. O mínimo que se espera é o respeito com quem se dedica para obter a informação, a fim de poder retransmitir aos outros.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários publicados não representam a opinião do Portal Segurança Portuária Em Foco. A responsabilidade é do autor da mensagem. Não serão aceitos comentários anônimos.